30.1 C
Piauí
19 de novembro de 2019
Cidades em Foco
Geral Piauí

Adapi diz que peste suína é controlada e comércio de porco será liberado no Piauí

O diretor-geral da Agência de Defesa Agropecuária do Piauí (Adapi), Genilson Sobrinho, informou que até a próxima segunda (11) a Adapi deverá baixar uma portaria liberando o trânsito interestadual de suínos em todo o Piauí, que está proibido desde abril deste ano, quando o estado apresentou vários focos da Peste Suína Clássica (PSC).

Genilson Sobrinho ressaltou que a peste suína está controlada no estado e, nesta quarta (06), já ocorreu a liberação da criação de suínos na cidade de Lagoa do Piauí, a primeira a apresentar foco da doença. A portaria específica de Lagoa do Piauí deve ser publicada na quinta (07).

“Estamos com mais de 90 dias sem amostras com resultado positivo para a doença. A situação está controlada. Não temos amostrar para ser coletado. Até segunda vamos liberar os demais municípios com a publicação da portaria. Enquanto não houver essa portaria não tem como transitar nem criar animal de raça suína, porco ou javali”, disse.

Com a nova portaria, a ADAPI poderá gerar a emissão do Guia de Transporte de Animais voltada para a circulação de suínos e javalis, que estava suspensa. Os criadores precisam do GTA para circular livremente com o animal.  Devido a presença dos focos da PSC, os animais saíam das propriedades diretamente para os abatedores cadastrados.

Apesar da liberação da circulação, o Piauí não pode ser considerado livre da doença. “Não somos uma zona livre. Vamos continuar na fiscalização e no acompanhamento.  Queremos erradicar por meio da vacinação, mas é caro, precisa de muito investimento, e estamos em discussão com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento”.

O Piauí, desde o início deste ano, teve mais de 15 focos da doença em todo o território. Os municípios que apresentaram foco da PSC, além de Lagoa do Piauí, foram: Brasileira, Milton Brandão, Murici dos Portelas, Domingos Mourão. Muitos animais foram sacrificados.

Febre Aftosa

O diretor da Adapi aproveita para informar que o Piauí está com a segunda etapa de vacinação contra a Febre Aftosa, que aconteça até o dia 30 de novembro. Devem ser vacinados bovinos e bubalinos até dois anos de idade. Já a certificação deve ser feita até o dia 15 de dezembro no escritório da Adapi.

Fonte: Carlienne Carpaso / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais