23.3 C
Piauí
6 de dezembro de 2022
Cidades em Foco
DestaqueGeralPatos do Piauí

Agosto Lilás: Patos do Piauí realiza campanha de conscientização pelo fim da violência contra a mulher

A Secretária Municipal de Assistência Social da cidade de Patos do Piauí realizou, nesta sexta-feira (26), a ‘Campanha de Conscientização pelo Fim da Violência Contra a Mulher’, um dos temas propostos em alusão ao Agosto Lilás. O evento ocorreu no Auditório do Sindicato (STTR).

Com início às 9h, a solenidade contou com a presença do prefeito Joaquim Neto; da primeira dama e Secretária de Saúde, Maria Auzeni; dos vereadores Wilson Vieira, Tonhao, Cornelio e Sarrika; da Secretária de Assistência Social, Franciana Carvalho; da Secretária de Educação, Sueli, do Secretário de Obras, Rafinha; além da população em geral.

O prefeito Joaquim Neto, que marcou presença, comentou a importância do debate de temas como esse para entender tudo o que o cerca. Para o gestor, trata-se de algo recorrente, mas que a prefeitura irá dar suporte para as ocorrências na região, já que a mulher precisa ser respeitada e protegida no meio em que vive.

“É muito importante a sociedade, principalmente nós homens, respeitar as mulheres. Hoje existem cinco tipos de violência: física, psicológica, sexual, patrimonial e moral. Nós temos que valorizar a mulher. Hoje existem leis que dão direito e proteção à elas. Como sabemos que na sociedade determinados homens cometem esse delito, vamos dar incentivo (às denúncias) e ouvir o nosso promotor Sebastião Jacson, orientando os filhos de Patos, principalmente os homens, para que não haja a violência, mas a paz e o carinho. Nós homens temos que valorizar as mulheres, que são trabalhadoras e merecem essa proteção”, afirmou o gestor.

A Secretária de Assistência Social, Franciana Carvalho, agradeceu ao promotor, que trouxe a palestra, e as assessoras. Franciana enfatizou a necessidade da conversa sobre a violência, bem como a participação ativa da população geral, a fim de promover uma transformação na sociedade com o conhecimento.

“A população presente nesses eventos é de extrema importância, porque são os principais atores. Esse evento tem o objetivo de trabalharmos o debate sobre a violência contra a mulher. Queremos dizer que nós estamos de portas abertas para atender as demandas que vocês precisarem. Caso não consigamos resolver, estaremos encaminhando para a rede de Ministério Público, CAPS, saúde e educação, que são nossos parceiros. Esperamos que a mensagem seja ampliada para os que não estiveram presentes e que os homens estejam mais presentes nesses eventos”, disse a secretária.

O evento

A palestra, realizada por Sebastião Jacson, promotor de justiça titular de Itainópolis e que atualmente responde pela promotoria de Jaicós, foi articulada pelas psicólogas Beatriz da Silva Santos e Giovanna Cronemberger e pela assistente social Elane Carvalho.

O principal objetivo foi democratizar o conhecimento acerca de um assunto grave, recorrente e ainda pouco discutido na sociedade. O promotor trouxe em sua fala o tripé essencial: como prevenir práticas violentas, como identificar a existência de uma, a partir dos vários tipos de manifestação, e como proceder nesses casos, sendo a vítima ou uma terceira pessoa.

Além de informar sobre as tipologias, Sebastião se preocupou em indicar canais de denúncia confiáveis para que seja combatido. “Os canais de denúncia dependem da cidade. Temos o disque 180, órgãos de proteção como a Polícia Civil, Ministério Publico e a Polícia Militar. Qualquer um desses órgãos, se tomarem conhecimento da violência doméstica, vai atuar porque existem vários campos de atuação da justiça nessa parte da violência doméstica”, declarou o promotor Sebastião Jacson.

O promotor concluiu enfatizando a atuação do Ministério Público, que pode ser procurado, tanto na cidade de Jaicós, que é a sede da promotoria, como também através de email e telefone. O órgão também tem um site para denúncias anônimas. O CRAS também pode receber a demanda, já que conta com profissionais da psicologia e assistência social. O evento foi finalizado com a abertura para perguntas, no qual o promotor respondeu esclarecendo a todos.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais