Aluna de Paulistana concorre a vaga no Parlamento Juvenil do Mercosul

A aluna Gabriela Coelho, do Instituto Federal do Piauí (IFPI), Campus Paulistana, e sua orientadora, a professora, Marli Damasceno, concorrem a uma vaga no projeto Parlamento Juvenil do Mercosul.

Elas tiveram seu projeto aprovado entre os quatro melhores do estado.

Agora, elas precisam que os alunos do ensino médio brasileiro, entre 14 e 18 anos, votem no projeto para que Gabriela possa representar o estado do Piauí e mostrar a cultura piauiense e paulistanense.

A votação acontece de 19 a 23 de novembro através do site  https://pjm.mec.gov.br.

O projeto da estudante é intitulado “Curtindo Cultura” e objetiva evidenciar a cultura nordestina, afim de criar espaços de convivência para a mesma.

Parlamento Juvenil do Mercosul

O Parlamento Juvenil do MERCOSUL (PJM) é uma iniciativa do Setor Educacional do MERCOSUL (SEM) que proporciona aos jovens estudantes de nível médio público dos países membros e associados do bloco um espaço de encontro e diálogo que incentive o protagonismo juvenil para geração de propostas sobre temáticas de interesse comum.

Em suas diferentes fases e instâncias, o PJM significa uma experiência formativa para os jovens envolvidos. Os participantes, além de ampliar seus conhecimentos, vivenciam o funcionamento das instituições democráticas e participam de debates construtivos que lhes permitem fortalecer a capacidade para expressar suas ideias, bem como desenvolver habilidades de reflexão crítica para formulação de propostas que reflitam suas necessidades.

Neste sentido, o PJM busca dar voz aos jovens, habilitando-os como participantes ativos nos grupos e nas comunidades das quais fazem parte, vislumbrando a necessidade de se envolverem ativamente na esfera pública, exercendo seus direitos e pleiteando sua participação na tomada de decisões coletivas.

O principal propósito do PJM é promover e fortalecer a identidade da juventude do MERCOSUL, tornando-os cidadãos conscientes dos problemas da região.

 

Picos40graus