32.7 C
Piauí
18 de maio de 2022
Cidades em Foco
Geral Polícia

Após não ser comunicada, Polícia faz exumação do corpo de criança que morreu afogada no Piauí

Pais enterraram criança sem comunicar fato à polícia - Foto: Portal P2

A Polícia Técnico-Cientifica do Piauí realizou na tarde de terça-feira, 25, a exumação do corpo do pequeno Davi Luís de apenas 05 anos, que morreu afogado em uma piscina, no último dia 16 de janeiro, na localidade Mufumbo, zona rural de Pedro II.

O pedido da Polícia Civil, junto à Justiça, foi feito na última quarta-feira, 19, e segundo o Delegado, o pedido se fez necessário, após a falta do laudo cadavérico que deveria ser emitido. A criança foi sepultada e a família não comunicou o fato à Polícia e nem ao Hospital, com isso, não foi feito nenhum exame.

O corpo foi periciado e enterrado novamente por três técnicos científicos, que realizaram o procedimento ainda no local, não sendo necessária a remoção do corpo para Teresina.

O laudo pericial completo deverá sair nos próximos dias. A princípio, a perícia identificou uma pancada na testa, possivelmente, a criança tenha batido a cabeça na piscina e provocou o afogamento. Mas a conclusão só sairá após o resultado da perícia.

Meio Norte

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais