22 C
Piauí
4 de agosto de 2020
Cidades em Foco
Geral Política

Bolsonaro diz que veio “sentir o povo” e ministro anuncia R$ 6 milhões para o Piauí

Foto: Alan Santos/PR

O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, que integra a comitiva do presidente Jair Bolsonaro em visita à Serra da Capivara, anunciou investimentos de quase R$ 6 milhões na região de São Raimundo Nonato, a 541km ao Sul de Teresina. Segundo ele, só para pavimentar as ruas de maior fluxo de veículos do município serão destinados R$ 3,8 milhões.

“Serão R$ 3.800 milhões para pavimentar as ruas de maior fluxo de veículos aqui em São Raimundo Nonato e mais R$ 1.8 milhão para pavimentação até o açude”, afirmou o ministro em vídeo gravado ao lado do senador Ciro Nogueira, que também integra a comitiva.

Além dos recursos, Marcelo Álvaro Antônio prometeu incluir o Parque da Serra da Capivara no programa nacional de promoção dos parques nacionais e, ainda, reestruturar o aeroporto de São Raimundo Nonato.

“Vamos incluir a Serra da Capivara no programa nacional de promoção dos parques nacionais e mais: a reestruturação do aeroporto em parceria com o Ministério da Infraestrutura”, disse, ressaltando que os equipamentos necessários já estão sendo licitados.

“Já estão sendo licitados os equipamentos para que a gente possa atrair voos comerciais aqui para São Raimundo Nonato”, informou.

O ministro garantiu ainda que a Serra da Capivara poderá ser usada como cenário para a produção de filmes, contribuindo para a divulgação da atração turística.

“O setor audiovisual poderá aplicar recursos aqui na produção de filmes tendo como plano de fundo a Serra da Capivara, ajudando a divulgar esse lindo destino do nosso Brasil”, finalizou, garantido que todos os recursos já estão empenhados.

Vim sentir o povo, diz Bolsonaro

O  presidente Jair Bolsonaro (sem partido), ao encerrar a visita em São Raimundo Nonato, garantiu que irá ajudar o turismo,  que está parado por causa da pandemia do coronavírus.

O presidente falou rapidamente com a imprensa, após cumprimentar apoiadores no Aeroporto de São Raimundo Nonato.  “Viemos entregar obras e sentir o povo. Faz parte do mandato da gente”, declarou.

Bolsonaro afirmou, ainda ,que o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, ao lado do senador Ciro Nogueira, anunciou recurso de aproximadamente R$ 6 milhões para São Raimundo Nonato.

“O ministro do Turismo anunciou recurso e  vou ajudar no futuro porque o turismo esta parado no mundo todo. E vou ajudar incrementar o turismo”, afirmou o presidente Bolsonaro que ,novamente, estava sem usar máscara.

O presidente foi questionado sobre a Reforma Tributária e o apoio ao senador Ciro Nogueira, mas não respondeu as perguntas.

Por volta das 14h30 Bolsonaro embarcou no avião presidencial para Brasília, ao lado de Ciro Nogueira. O presidente ficou mais tempo que o previsto em São Raimundo Nonato. Na agenda oficial a previsão era de que a visita encerrasse 13h.

A visita de Bolsonaro ao Piauí 

Ao desembarcar no aeroporto internacional de São Raimundo Nonato, na manhã desta quinta-feira (30), o presidente Jair Bolsonaro cumprimentou simpatizantes que estavam concentrados nas proximidades do local. Utilizando um chapéu de couro, o presidente quebrou o protocolo e surpreendeu os presentes ao subir em um cavalo da raça quarto de milha.

No momento, Bolsonaro tirou a máscara e agradeceu aos apoiadores que estavam presentes para recepcioná-lo. “Obrigado, Piauí. É um prazer estar no meio de vocês”, disse o presidente da República.

Segurando faixas e com gritos de apoio, cerca de 300 simpatizantes, de acordo com a Polícia Militar, se aglomeraram para acompanhar a chegada de Bolsonaro ao Aeroporto de São Raimundo Nonato. Entre os presentes, crianças e idosos também acompanharam a chegada.

Foto: Ascom/Ciro

Apesar do forte esquema de segurança montado no local, o presidente chegou a cumprimentar e pegar na mão de diversos apoiadores, desrespeitando das recomendações das autoridades de saúde para evitar o contágio pelo novo coronavírus.

Logo em seguida Bolsonaro seguiu para o parque, que enfrenta escassez de recurso e demitiu cerca de 50% dos funcionários do Parque e do Museu da Natureza. O presidente visitou o Boqueirão da Pedra Furada, onde recebeu prefeitos de Brejo, Coronel José Dias, João Costa e São Raimundo Nonato e apoiadores.

Fonte: Hérlon Moraes e Yala Sena / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais