23.3 C
Piauí
6 de dezembro de 2022
Cidades em Foco
EconomiaGeralSertão do Inhamuns em Foco

Caixa volta a liberar empréstimo consignado do Auxílio Brasil; saiba mais

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

A Caixa Econômica Federal volta a liberar, a partir das 7h desta segunda-feira (14), o crédito consignado do Auxílio Brasil. O empréstimo foi suspenso antes do segundo turno, após recomendação do TCU (Tribunal de Contas da União), e seguiu bloqueado após a eleição, para processamento da folha de pagamento do benefício.

Segundo a Caixa, a suspensão deverá ocorrer todos os meses, quando a Dataprev (empresa de tecnologia do governo federal) for preparar o pagamento mensal do auxílio. A quantidade de dias em que haverá suspensão e as datas exatas, porém, não estão definidas.

COMO FUNCIONA O EMPRÉSTIMO CONSIGNADO DO AUXÍLIO BRASIL

O consignado é um crédito descontado direito do benefício. Com isso, todos os meses, o beneficiário recebe valor menor, até que pague o empréstimo. Pelas regras aprovadas, é possível emprestar até 40%, o que dá um limite de R$ 2.569,34, em 24 vezes. O valor máximo mensal a ser pago é de R$ 160.

Os R$ 160 são descontados sobre o benefício-base, de R$ 400 -e não sobre os R$ 600 que, segundo medida do governo Bolsonaro, seriam pagos somente até dezembro- o que faz com que o beneficiário receba apenas R$ 240 por mês.

Embora o crédito consignado tenha juros baixos, o empréstimo ligado ao Auxílio Brasil é 87% mais caro que o crédito para aposentados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). A menor taxa mensal é a oferecida pela Caixa, de 3,45% ao mês.

A taxa de juros é limitada a 3,5% ao mês, o que dá 51,11% ao ano. Embora limitada pelo governo, a taxa de juros do empréstimo do Auxílio Brasil é maior do que a do crédito consignado para aposentados e pensionistas do INSS, de até 2,14% ao mês.

BENEFICIÁRIOS RECLAMAM DE DESCONTO INDEVIDO

Beneficiários do Auxílio Brasil que não pediram o empréstimo estão reclamando de desconto indevido de parcela. Além disso, a quem realmente fez a contratação, o contrato informa que o primeiro pagamento seria em dezembro, mas a cobrança já está sendo feita em novembro.

Nesta quinta (10), a Caixa anunciou que vai cancelar o empréstimo indevido. Para isso, o cidadão deve ir a uma agência levando CPF e um documento oficial de identificação com foto. Sobre a informação contratual o banco está enviando mensagens no celular informando as regras exatas.

COMO FAZER O PEDIDO DE EMPRÉSTIMO PELO CAIXA TEM
– Acesse o aplicativo Caixa Tem e simule quanto poderá contratar:
– Clique na opção “Empréstimo” Vá em “Simular e Contratar” Agora, clique em “Consignado”
A simulação vai informar:
– a taxa de juros do empréstimo o prazo de duração do contrato o valor de cada parcela o valor que você vai passar a receber de auxílio se contratar o empréstimo o valor total que pagará pelo empréstimo no final

EM AGÊNCIAS, LOTÉRICAS E CORRESPONDENTES
– Os funcionários das instituições financeiras devem informar ao beneficiário que deseja contratar o empréstimo:
Valor total contratado com e sem juros
– Taxa efetiva mensal e anual de juros
– Acréscimos remuneratórios, moratórios e tributários que incidem sobre o crédito contratado
– Valor, quantidade e periodicidade das prestações
– Soma do total a pagar ao final do empréstimo
– Data do início e fim do desconto
– Valor líquido do benefício restante após a contratação CNPJ da agência bancária ou do correspondente bancário
– Valor da comissão paga aos terceirizados contratados pelas instituições financeiras para a operacionalização da venda do crédito

COMO CONSULTAR O PEDIDO DE EMPRÉSTIMO DO AUXÍLIO BRASIL PELO CAIXA TEM?
– Acesse o aplicativo Caixa Tem
– Na primeira tela, acesse a opção “Consignado Auxílio”
– Depois, vá em “Ver os meus contratos”
– Na próxima tela, no canto direito superior, aparece a situação dos contratos
– O empréstimo pode estar em processamento, aprovado ou cancelado

Fonte: Folhapress 

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais