Caminhada e Missa marcam encerramento da 14ª Romaria da Terra e da Água em Paulistana

Mesmo antes do sol raiar, milhares de romeiros se deslocaram até o Mirante de Nossa Senhora dos Humildes, neste domingo (15/07), na cidade de Paulistana, para a concentração e animação em preparação para a grande caminhada da 14ª Romaria da Terra e da Água no Piauí. Seja do Norte, Centro, Sudeste ou Sudoeste do Piauí, todos os fiéis ali estavam reunidos pela fé e em busca da “Defesa da Natureza e dos Direitos dos Pobres”.

A caminhada prosseguiu pela BR-407 e Avenida Marechal Deodoro até o palco montado ao lado da Igreja Matriz de Paulistana, onde foi celebrada a Santa Missa, presidida pelo Bispo Diocesano de Picos, Dom Plínio José Luz da Silva, e concelebrada por Dom Jacinto Brito (Presidente da CNBB Regional Nordeste IV e Bispo da Arquidiocese de Teresina), Dom Juarez Sousa (Bispo da Diocese de Parnaíba), Dom Edilson Nobre (Bispo da Diocese de Oeiras), Dom Edivalter Andrade (Bispo da Diocese de Floriano), Dom Marcos Tavoni (Bispo da Diocese de Bom Jesus), Dom Eduardo Zielski (Bispo da Diocese de São Raimundo Nonato), Dom Francisco de Assis ( Bispo da Diocese de Campo Maior) e Dom Augusto Alves (Bispo Emérito).

A Celebração Eucarística contou com a participação de todos os padres da Diocese de Picos e de Dioceses vizinhas, Seminaristas e religiosos (as). Na ocasião, também foram apresentadas diversas homenagens à cidade de Paulistana pelo acolhimento e dedicação ao evento. No fim, foi anunciado que a 15ª Romaria da Terra e da Água no Piauí acontecerá na Diocese de Parnaíba e a Cruz, símbolo do evento, foi entregue ao bispo e aos romeiros parnaibanos.

A Romaria da Terra e da Água faz parte da história e da caminhada da Igreja no Piauí desde 1988 e se tornou um grande evento que envolve o homem e a mulher do campo e da cidade. Na Romaria da Terra e da Água são celebradas as lutas e as vitórias de todas as pessoas que defendem a preservação da terra e da água.

Fonte e fotos: Diocese de Picos