22.7 C
Piauí
9 de agosto de 2022
Cidades em Foco
DestaqueGeral

Capitã da PM é condenada a dois anos de prisão por extravio de inquérito policial no Piauí

Quartel da PM DO PIAUÍ Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

Uma capitã da Polícia Militar do Piauí (PM-PI), identificada como Andreia Dorta Monteiro do Nascimento, foi condenada a dois anos de reclusão por extravio de um inquérito policial. O cumprimento inicial da pena será em regime aberto e a acusada poderá recorrer da decisão em liberdade.

sentença foi dada pela juíza Valdênia Moura Marques de Sá, titular da 9ª Vara Criminal de Teresina (Justiça Militar) que presidiu o Conselho Especial de Justiça. A magistrada entendeu que ficou provado nos autos que a acusada não devolveu um inquérito policial do qual era encarregada de cumprir diligência solicitada por representante do Ministério Público.

“A denunciada confirma que recebeu os autos, mas que procedeu com a devolução dos mesmos. Contudo, ao ser questionada sobre o ofício ou recibo comprovando a entrega dos autos na Corregedoria da PMPI, informou que não se lembrava, devido a problemas de saúde por que passara”, cita a sentença.

Na dosimetria, a juíza ainda pontuou que a ré já havia sido condenada em outros dois processos, um por constrangimento ilegal e outro por descumprimento de missão, inobservância de lei e comunicado de falso crime. “(…) fica caracterizado os maus antecedentes devendo a pena ser aumentada na primeira fase da dosimetria da pena”, concluiu Marques de Sá.

Ao Cidadeverde.com, a defesa da militar disse que só irá se manifestar nos autos, mas informou que já recorreu da decisão.

Com informações do TJ

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais