22.1 C
Piauí
20 de janeiro de 2020
Cidades em Foco
Destaque Educação Geral

Colégio do Piauí que lidera lista do Enem gera polêmica com kit profissão

O Instituto Dom Barreto, colégio de maior nota no ranking do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) gerou polêmica na rede social ao exigir na lista de material escolar kits de profissão com material diferenciado para meninos e meninas.

A relação exigia um estojo de profissão “médico, mecânico, bombeiro” para meninos e kit de “salão, cozinha” para meninas.

Após as divergências, a escola alterou a relação de material lúdico com o seguinte texto para os pais: “um kit brinquedo a ser utilizado nas brincadeiras ‘faz de conta’ e oficinas com a finalidade de ampliar o conhecimento de mundo das crianças. Sugestões: kit ferramentas, médico, bombeiro, cozinha, cabeleireiro”.

O Dom Barreto é uma escola fundada pela  Congregação das Irmãs Missionárias de Jesus Crucificado. Um dos diferenciais do instituto é a oferta de disciplinas como xadrez, robótica, latim, filosofia, sociologia, inglês e espanhol. No quadro da escola, os professores têm especialização, mestrado e doutorado.

Em 2015, o colégio levantou um debate ao substitui o Dia das Mães por Dia da Família. A mudança causou discussão e foi aprovada pelos pais.

Sobre os kits profissão, o portal Cidadeverde.com entrou em contato com a escola e avisou que estava preparando uma nota para esclarecer sobre a polêmica.

Lista alterada

Fonte: CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais