Cooperativa de Produtores e Produtoras da Chapada Vale do Rio Itaim é constituída em Betânia do Piauí

O Governo do Piauí, através da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), da Diretoria de Inclusão Produtiva e do Programa Viva o Semiárido, juntamente com o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (FIDA) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), constituíram no último sábado (11), no ginásio do poliesportivo na cidade de Betânia do Piauí, a Cooperativa de Produtores e Produtoras da Chapada Vale do Rio Itaim (COOVITA).

A cooperativa tem a junção das cidades de Jacobina do Piauí, Betânia do Piauí, Paulistana e Queimada Nova, a sede será na cidade de Betânia. O prefeito de Betânia do Piauí fez a doação do terreno da sede. Com mais de 300 cooperados, o objetivo da cooperativa é fomentar a comercialização e fortalecer a ovinocaprinocultura na região, assim melhorando a qualidade de vida dos produtores rurais e suas famílias, através do aumento da renda proveniente da ovinocaprinocultura. 

Mirionaldo Rodrigues que é cooperado da Cooperativa de Produtores e Produtoras da Chapada Vale do Rio Itaim (COOVITA) fez a abertura do evento, em seguida a consultora do programa Viva o Semiárido Jeosafira Rocha e secretária do conselho administrativo da COOVITA Francisca Neri, lavraram o estatuto da COOVITA. Na sequência Maria Cristina, a assessora do Secretário de Desenvolvimento Rural Francisco Limma, continuou presidindo a solenidade do evento.

O presidente da cooperativa Natividade Rodrigues frisou que conseguiu constituir a COOVITA através de várias conversas, reuniões. Ressaltou a necessidade de abranger a cadeia produtiva do ovinocaprino.

Com grande apoio da SDR, juntamente a assessoria do Dr. Daniel Rech e todas as pessoas da comissão. “É uma grande satisfação está representando a COOVIITA. O nosso território tem o potencial para criação de ovino e caprino, o primeiro passo já foi dado, agora temos um desafio muito grande a comercialização”, pontuou o presidente.

O prefeito de Betânia do Piauí, Fábio Macêdo, frisou sobre o grande potencial do semiárido piauiense na questão do caprino, ovino e a importância da criação dessa cooperativa que vai a melhorar a comercialização, valorizando a produção de animais do município e também dos outras cidades da região gerando renda. “Temos que acabar com o desejo individualista, temos que pensar na coletividade. Pra mim é uma satisfação muita grande, de está aqui nesse momento podendo prestigiar essa criação da COOVITA, agora sou cooperado, sonhava com isso desde que foi criado ASCOBETANIA, da qual faço parte”, afirmou o prefeito.

O secretário da SDR Francisco Limma falou sobre incrementar e apoiar as ações que incentivam a organização da cadeia da ovinocaprinocultura. Parabenizou a todos pela coragem de criar à cooperativa. Segundo ele, o governador Wellington Dias, juntamente com ele está apoiando os produtores de caprino e ovino.

“Nunca duvide da força de um pequeno grupo de pessoas, afinal ela é a única esperança de que de fato as mudanças realmente aconteçam. Aqui já foi um pequeno grupo, agora não é mais”, destacou Limma.

Segundo o agricultor cooperado Juvenal Lucas Santos, “a COOVITA vai desenvolver a nossa criação de ovino e caprino, para que tenhamos um mercado mais promissor, com a cooperativa vai engrandecer a atividade como agricultor”, disse;

Foi realizada a votação para a escolha dos dirigentes da cooperativa, da qual ficou como presidente do conselho administrativo, Natividade Vieira Rodrigues (Queimada Nova), vice-presidente Adelson Sousa (Jacobina do Piauí); secretária do conselho administrativa Francisca Neri (Betânia do Piauí), diretor financeiro Manoel Macêdo (Paulistana) e o conselho fiscal formado por cinco pessoas.

Na cerimônia da fundação da cooperativa esteve presente: O  Secretário do SDR – Francisco Limma, o prefeito de Jacobina do Piauí o Gederlânio Oliveira (GD), o vice-prefeito de Jacobina do Piauí Vanderlei Carvalho, o prefeito de Betânia do Piauí – Fábio Macêdo, o prefeito de Queimada Nova-Raimundo Júlio, o prefeito de Acauã – Molão, o diretor estadual de inclusão produtiva – Francisco das Chagas (Chicão), a deputada estadual – Liziê Coelho, o secretário de mineração – Luís Coelho, a superintendente de planejamento da Seplan – Rejane Tavares, o advogado e consultor jurídico do processo da COOVITA – Dr. Daniel Rech, consultora do programa Viva o Semiárido Jeosafira Rocha, o consultor do território Wendel Rebolças, o consultor Maurilo Oliveira,o diretor do IFPI de Paulistana – Prof. Francisco Washington, alunos do IFPI de Paulistana, vereadores, representantes dos Bancos do Brasil, Nordeste e Caixa Econômica, presidentes de associações, sindicatos, representantes das instituições estaduais ADAPI , EMATER e SEBRAE.

Veja cobertura fotográfica do evento!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar:

Por: Júnior Oliveira

Diretor Geral