Cruzeiro vence o Fluminense no Mineirão; Coritiba empata com a Ponte

Com uma série de desfalques, o Fluminense não resistiu à pressão do Cruzeiro e foi derrotado por 3 a 1 neste domingo, no Mineirão. O time de Abel Braga abriu o placar com Pedro, mas, com um a menos quase toda etapa final, sofreu a virada. Lucas Romero, Diogo Barbosa e Thiago Neves marcaram para a Raposa.

Com o resultado, o Cruzeiro chegou aos 54 pontos e voltou para a quinta posição. O Fluminense, com 43, caiu para o 13º lugar – a sete pontos do Z4.

Na próxima rodada, o Fluminense visita o Corinthians, na Arena Itaquera, no jogo que pode garantir o título nacional ao clube paulista. O duelo é na quarta, às 21h45. No mesmo dia, o Cruzeiro recebe o Avaí no Mineirão, mas às 19h30.

Coritiba busca empate e segura Ponte Preta

Em jogo de ‘seis pontos’, Coritiba e Ponte Preta empataram por 1 a 1 neste domingo, no Couto Pereira, pela décima quarta rodada da Série A. O Coxa, que não perde há seis jogos, desperdiçou chance de se afastar ainda mais do Z4, já a Macaca segue em situação complicada na competição.

Com os dois times precisando do resultado, o duelo ficou muito amarrado e nenhuma equipe se arriscava a ponto de criar chances. Com 9, Henrique Almeida foi acionado pela direita em velocidade e passou para Rildo que, na pequena área, não alcançou a bola para marcar.

Uma nova oportunidade só aconteceu aos 33, quando Rildo errou a saída de bola, Léo Gamalho aproveitou, passou por dois e chutou em cima de Wilson. Tiago Real, na sequência, ainda tentou arriscar de longe, mas o goleiro defendeu com segurança.

No final ainda teve tempo de uma polêmica. Carleto cruzou da esquerda e Tiago Real segurou o passe para ser derrubado por Rodrigo, que ainda colocou a mão na bola. O árbitro Elmo Alves Resende Cunha (GO) não marcou.

Na volta do intervalo, o confronto ficou mais aberto, com a Macaca voltando melhor e se mostrando à vontade em campo. Léo Arthur, em duas tentativas, chutou para fora. Com 19, em cobrança de escanteio da direita, Léo Gamalho nem precisou subir para, sozinho, cabecear no canto esquerdo. 0x1.

A resposta do Coxa foi imediata e a igualdade saiu numa lambança do sistema defensivo do adversário. Dois minutos depois, Yan Sasse recebeu e avançou até a área, Yago foi afastar o perigo e chutou na perna do meia alviverde, com a bola entrando nas redes. 1×1.

O gol animou o Verdão, que partiu para cima do rival. Alan Santos, de cabeça, mandou por cima do travessão em cruzamento de Rildo. Kleber, de esquerda, recebeu cruzamento e bateu na rede do lado de fora.

A Ponte não ficou atrás também e Danilo Barcellos tentou encobrir Wilson, em chute de fora da área, que espalmou para fora. Jeferson, logo depois, mandou uma bomba próxima da trave. Lucca teve suas chances ao aproveitar o vacilo da zaga e bater cruzado, além de cobrar uma falta perigosa.

Com o empate, o Coritiba vai a 40 pontos e segue na décima quinta colocação – a Ponte Preta é a décima sétima, com 36 e a três pontos de sair do Z4. Na próxima rodada, o Coxa recebe o Flamengo na quinta-feira, no Couto Pereira, às 21h, enquanto a Macaca encara o Atlético-PR na quarta-feira, às 17h, no Moisés Lucarelli.

Fonte: Lance

Compartilhar:

Por: Júnior Oliveira

Diretor Geral