Deputado Assis Carvalho diz que texto da reforma da previdência tem que ir para o lixo

O deputado federal Assis Carvalho (PT-PI) declarou que o texto da reforma da Previdência apresentado pelo presidente da República, Michel Temer (MDB), tem que ser jogado no lixo. Para o deputado o atual governo está imerso em corrupção e sem possibilidades de sugerir reformas benéficas para a sociedade.

“Ali, não tem mudança que conserte, é igual a lona velha de circo; você conserta um buraco e surgem dez, então não tem condições de ser construído contra qualquer reforma da Previdência, porque um governo sem voto, originário de um golpe, envolvido em corrupção não tem moral para apresentar nada e eu não negocio meu voto”, declarou.

Como sugestão para reformar a previdência, Assis Carvalho disse que tem de haver inicialmente um “pacto com as urnas”, pois a sociedade precisa estar inteirada das mudanças a serem efetuadas pelo governo. “Como qualquer lugar do mundo você não pode fazer uma reforma de afogadilho”, frisou.

Dentre as suas sugestões Assis Carvalho citou ainda a tributação das grandes fortunas para ajudar os mais pobres na “Previdência Popular”. “Eu topo tributar bancos, tributar poderosos; estou assinando propostas como essa”, comentou.

Sobre a possibilidade da não aprovação da reforma, uma vez que o Governo Federal tem encontrado dificuldades em conseguir uma maioria na Câmara dos Deputados, Assis Carvalho respondeu que talvez aconteça dessa forma e o texto não passe, “uma vez que (o Governo Temer) não tem moral, pois não é fruto de voto popular”.

 

 

Fonte: Jailson Dias – Folha Atual

Compartilhar:

Júnior Oliveira

Diretor Geral