25.2 C
Piauí
20 de agosto de 2022
Cidades em Foco
GeralPolítica

Deputado Júlio César propõe projeto para taxar lucros e dividendos em combustíveis

Deputado Júlio César

O deputado federal Júlio Cesar (PSD) apresentou nesta quinta-feira (23), um projeto de lei que visa alterar a política de preços dos derivados de petróleo. O objetivo da matéria é instituir a tributação de dividendos para incluir nova destinação para as receitas relacionadas à CIDE-Combustível.

O projeto de lei inclui na destinação da arrecadação da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico incidente sobre a importação e a comercialização de petróleo e seus derivados, gás natural e seus derivados, e álcool etílico combustível, a chamada Cide, a possibilidade de o governo subsidiar os produtores e importadores de óleo diesel.

“A instituição da cobrança do Imposto de Renda e Proventos de Qualquer Natureza retido na Fonte sobre os dividendos pagos ou creditados é mais uma maneira de prover receitas novas ao governo a fim de que possa obter margem financeira para beneficiar a população, caso venha a optar por ação que diminua o preço dos combustíveis”, justifica o parlamentar.

Segundo o parlamentar, o mercado americano cobra de forma escalonada o imposto sobre os dividendos em percentuais mais elevados do que estes que estão sendo colocados em seu projeto. “No que se refere ao caso brasileiro, entende-se que a população menos abastada deve sempre ser protegida da cobrança de tributos elevados”, defende.

As alíquotas cobradas seriam as seguintes:

Até R$ 400.000,00: isento
R$ 400.000,01 a R$ 2.300.000,00: 15%
R$ 2.300.000,01 em diante: 20%

Em entrevista à TV Cidade Verde, o deputado disse que o principal problema do país hoje é a capacidade de refino do Petroleo, que não acompanha a demanda produzida.

“O problema do Brasil é a capacidade do refino. Tinha uma expectativa de chegar a 16 refinarias. Tinha a do Maranhão, fecharam a da Bahia e estão querendo fechar a do Amazonas. O Brasil produz 75% do Petroleo que consome e importa o restante. Queremos equalizar isso”, afirmou.

Fonte: Hérlon Moraes / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais