24.8 C
Piauí
27 de fevereiro de 2020
Cidades em Foco
Geral Piauí

Deputados listam promessas que não foram cumpridas por Wellington Dias no Piauí

O deputado Robert Rios (PDT) leu da tribuna a relação de obras prometidas e não realizadas pelo governador Wellington Dias (PT) na campanha de 2014. Robert ressaltou que tudo foi registrado no Tribunal Regional Eleitoral. “O povo acreditou em tudo o que o governador prometeu e ele se elegeu no primeiro turno. Entre o que foi prometido está a conclusão do Porto de Luís Correia e a reforma da ferrovia que liga o Litoral à capital”, afirmou.

Antes de ler a relação das obras prometidas e não realizadas pelo governo do PT, Robert Rios fez considerações sobre o encontro de governadores do Nordeste em Teresina, para debater a segurança, afirmando que enquanto os chefes de estado estavam reunidos no espaço mais luxuoso de Teresina, o restaurante Coco Bambu, os delegados e agentes penitenciários faziam protesto do lado de fora, contra a falta de reajuste salarial, de convocação de concursados e de condições materiais para o trabalho de combate à criminalidade.

O líder da oposição citou:

Aumentar do número de policiais, civis e militares, em mais quatro mil.

Duplicação das estradas Teresina/Campo Maior, Teresina/José de Freitas, Teresina/União, Teresina/Monsenhor Gil.

Barragem no município de Castelo

Plano de aviação regional

Universalização do acesso à água em todo o Estado.

Sistema de passageiros de Teresina, interligando todas as zonas ao centro da cidade

15 mil vagas na Universidade Aberta

Tempo integral nas escolas em todos os municípios

Creches em todas as cidades

Construção de 50 mil casas, através do programa Casa da Gente

Reforma e regularização de casas em todo o Estado

Prolongamento da orla de Luís Correia

Parque de convivência na margem do Rio Poti

Bosque entre a Ponte Estaiada e o Riverside

Robert disse que o governador faz promessas também no campo político, ao oferecer a vaga de vice para o presidente da Assembleia e mais quatro pessoas. Sobre as promessas no campo administrativo, ele disse acreditar que em um país de primeiro mundo o governador não poderia ser candidato, pela quantidade de promessas não cumpridas.

Em apartes, oposição reforça discurso de Robert Rios

O deputado Dr. Pessoa (PSDB) afirmou que no campo da Segurança Pública são muitas as cidades sem condições de combater o crime. Ele citou algumas cidades do Médio Parnaíba e também outras no norte do Estado, como Porto, onde ele estivera na semana anterior, constatando que o padre deixou de celebrar missas à noite, para que os fiéis não sejam assaltados.

O deputado Rubem Martins (PSB) elogiou o orador pelas denúncias levadas à tribuna, afirmando que o governador talvez nem tivesse lido a relação de obras registradas no TRE. Ele disse que estava recebendo mensagens daqueles que acompanhavam o discurso pela televisão, entre elas a de um vereador de Oeiras, que disse não haver obras feitas com recursos de empréstimo na cidade. A propósito de tais obras, Rubem Martins disse que esteve na Caixa Econômica e constatou que há dificuldade dos técnicos para analisar a prestação de contas, por constar de diversos volumes.

Outro deputado que ofereceu aparte foi Marden Menezes (PSDB) que denunciou o descaso do governo com uma ponte que desabou, há dois anos, entre Batalha e Esperantina. Ele sugeriu que a população dê oportunidade a outro político que seja candidato ao governo do Estado. Ele citou a aflição dos servidores que tiveram descontos em seus contracheques para empréstimos consignados, e que o governo não repassou aos bancos, ressaltando que o ex-deputado Paulo Henrique Paes Landim está com seu nome no Cerasa, por conta desse descaso do governo.

Robert Rios concluiu seu pronunciamento fazendo observações pessoais sobre o estilo popular do governador, “que é afável com todos, embora saiba disfarçar muito bem quando está mentindo”, afirmou.

 

Fonte:Fala Piauí

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais