21.9 C
Piauí
23 de outubro de 2019
Cidades em Foco
Geral Pernambuco em Foco

Despesa dos brasileiros com empréstimos aumenta e reduz gastos com investimentos

A despesa média mensal da família brasileira foi de R$ 4.649,03 em 2018, sendo 7,2% mais alta nas áreas urbanas (R$ 4.985,39) e 45,3% menor nas áreas rurais (R$ 2.543,15). No Nordeste, a média foi de R$ 3.166,07.

As despesas correntes, que incluem despesas de consumo, impostos, contribuições trabalhistas, serviços bancários e pensões, representavam 92,7% do total.

Como as despesas correntes comprometem 92,7% das despesas do domicílio, sobra pouco para dividir entre investimentos e a diminuição do passivo.

Os gastos com aumento do ativo (aquisição de imóvel, reforma e outros investimentos) teve participação de 4,1% no total. Os valores gastos com esse item tiveram forte de 2003 a 2018. Em 2009, por exemplo, foi 5,8%.

Os gastos com o pagamento de passivos (empréstimos e prestações de financiamento de imóvel) representam 3,2% do total. Percentual maior que os anos anteriores. Em 2003 foi 2% e, em 2009, 2,1%.

Ou seja, está havendo aumento das despesas para pagamentos de empréstimos e juros.

As informações são da Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF) 2017-2018, divulgadas pelo IBGE.

Do CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais