24 C
Piauí
18 de maio de 2022
Cidades em Foco
Destaque Geral

Em Betânia, profissionais da educação são imunizados com a primeira dose da vacina contra a Covid

A Prefeitura de Betânia do Piauí, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), deu início, nesta quinta-feira, 10 de junho, o processo de imunização dos profissionais da área da educação com a aplicação da primeira dose da vacina contra o novo coronavírus (Covid-19). A ação ocorreu no Posto de Saúde Dirceu Arcoverde, no centro da cidade.

O secretário municipal de saúde Claudimar Xavier destacou que está sendo concluída mais uma etapa, onde a secretaria de saúde não tem medido esforços para vacinar todos os profissionais da educação do município de Betânia do Piauí. “Visando assim uma retomada das atividades normais para a educação”, comentou.

“Já estamos nos preparando para a próxima etapa que será a faixa etária de 18 a 59 anos, o público com comorbidade e os serviços essenciais a decidir pelo Conselho Municipal e a Secretaria Municipal de Saúde, determinada pela Secretaria Estadual de Saúde do Piauí”, informou Claudimar Xavier.

O secretário municipal de educação Maximiano Coelho relatou sobre o sentimento de alegria pelos profissionais da educação do município que estão recebendo a primeira dose da vacina. “É uma mistura de muitos sentimentos porque a primeira dose da vacina nos traz a esperança e expectativa de estamos nos aproximando de voltar as nossas atividades normais”, disse.

Maximiano Coelho ponderou que são conscientes de que as coisas tem que acontecer desta forma e que vem sendo priorizado alguns grupos como os primeiros que foram os profissionais da saúde que são profissionais fundamentais para trazer o horizonte da vida para a sociedade. “É fundamental terem tomado essa atitude de priorizar os profissionais da educação porque esses profissionais do ensino trazem um horizonte de futuro para nossas crianças e jovens”, afirma.

O secretário de educação agradeceu a Deus pela vacina ter chegado agora para os servidores da educação e enfatizou que está na torcida para que chegue mais doses. “Mais doses traz um sentimento de empatia porque muitos ainda estão por ser vacinados. Mas aos poucos as coisas vão se normalizando e, o principal sentimento é esse de nos aproximarmos da oportunidade de voltamos para as nossas atividades o quanto antes”, pontuou.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais