21.1 C
Piauí
6 de junho de 2020
Cidades em Foco
Geral Patos do Piauí

Em combate ao mosquito da dengue, carro fumacê pulveriza ruas de Patos do Piauí

Patos do Piauí em combate ao Mosquito da Dengue

Com o objetivo de prevenir a proliferação dos focos do mosquito Aedes Aegypti, a Secretaria Municipal de Saúde de Patos do Piauí solicitou, através de oficio, junto a FUNANA e a Regional de Saúde de Picos, a pulverização das ruas da cidade com o carro fumacê, devido a ocorrência de casos confirmados no município.

Atendendo ao oficio da secretaria de saúde de Patos, o veículo fumacê começou o ciclo de pulverização nesta terça-feira, 19, no centro e no bairro Areia Branca e continua hoje, 20, no povoado Cajueiro, zona rural do município de Patos do Piauí.

A primeira dama e atual secretária de saúde, Edvânia Pires, a Pretinha, como é conhecida, afirma que a forma mais eficaz de combater o mosquito Aedes Aegypti é não deixar o mesmo nascer, pois o inseticida não mata as larvas do mosquito, que estão em caixas d’água, potes, baldes, toneis, pneus, tampinhas de garrafas, lajes e qualquer outro tipo de objeto que acumule água.

“A eliminação dos criadouros é a forma mais eficaz de combate. A população tem papel importante nessa tarefa, que deve ser realizada pelo menos uma vez por semana nas residências, interrompendo assim, o ciclo de vida do mosquito”, comenta a secretária de saúde do município.

A secretária ressalta ainda, que por conta da pandemia do novo coronavírus, os agentes de combate às endemias estão com restrições para realizarem visitas domiciliares. “Todo cidadão precisa fazer sua parte:  não jogar lixo, garrafas e tampinhas nas ruas, em terrenos baldios e cuidar do quintal de sua residência”, pontua.

A ação está sendo executada pelo colaborador da FUNASA, Antônio Gonçalves, que é motorista e operador do veículo fumacê. Ele explica que a pulverização espacial UBV pesado ocorre por solicitações dos municípios, para a realização do procedimento são avaliados os dados epidemiológicos, histórico de casos e ocorrências de transmissão de arboviroses (Dengue, Chikungunya e Zika) nas áreas definidas.

“A recomendação repassada aos moradores é que deixem abertas portas e janelas das casas na passagem do carro fumacê, para que o inseticida atinja o mosquito dentro das residências”, destaca Antônio Gonçalves.

A prevenção é a melhor opção para uma vida saudável. É importante manter-se vigilante o ano inteiro para evitar a proliferação do Aedes aegypty.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais