21.2 C
Piauí
16 de junho de 2019
Cidades em Foco
Educação Geral Piauí

Enfermeiros e técnicos iniciam greve em hospitais estaduais do Piauí

Enfermeiros e técnicos de enfermagem paralisaram as atividades na Maternidade Dona Evangelina Rosa, Zona Sudeste de Teresina, na manhã desta terça-feira (2). Os profissionais da saúde pedem melhores condições de trabalho, pagamento de adicionais noturnos, cumprimento do plano de carreira e reajuste salarial. De acordo com o sindicato, trabalhadores em hospitais em diversas cidades pelo estado aderiram à greve.

Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde informou que está tomando providências para que a greve não atrapalhe o funcionamento dos hospitais estaduais pelo Piauí. A Sesapi informou ainda que uma reunião entre o secretário de administração e de saúde e a direção do Senatepi foi marcada para próxima quarta-feira (3) para discutir as pautas apresentadas pelos trabalhadores.

Segundo os trabalhadores, a reajuste no salário não acontece desde 2012. “Entrei no estado em 2012 e desde então, o meu salário é mesmo de há sete anos atrás, sem falar nas condições de trabalho, que não são boas. A gente tem que atender as crianças, como o sindicato já falou, em condições às vezes até pra fazer o impossível”, disse uma das enfermeiras.

100% dos enfermeiros e técnicos de enfermagem devem paralisar as atividades no setor de consultas e nas salas de vacinas. Somente 30% continuarão trabalhando no setor de internação hospitalar. Nas Unidades de terapia intensiva (UTI), será mantido 70% do total de enfermeiros e técnicos de enfermagem.

“Nós começamos o movimento em 2016, o movimento cessou, mediante um acordo feito no Tribunal de Justiça entre o sindicato e o Governo do Estado, e de lá pra cá, o governo não cumpriu nada do que ele acordou. O enquadramento dos profissionais que ficou de dar, o reajuste linear que o próprio Governo do Estado através da Secretaria de Administração fez o cálculo de perda salarial de 37%”, disse a coordenadora do sindicato.

Leia abaixo a nota da Sesapi na íntegra:

A Secretaria de Estado da Saúde, informa que está tomando todas as providencias para que a greve anunciada pelo Sindicato dos Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares de Enfermagem (SENATEPI) não traga nenhum obstáculo ao funcionamento normal e regular dos Hospitais Estaduais do Piauí.

A pauta apresentada pelo Sindicato já foi previamente submetida à Secretaria de Administração e Previdência do Governo Estado e na próxima quarta-feira (03), às 16h, os secretários de Administração, Ricardo Pontes, e Saúde, Florentino Neto, estarão recebendo a direção do SENATEPI.

A Secretaria de Saúde, ressalta ainda, a disponibilidade permanente do diálogo com a categoria e reconhece a importância da enfermagem para a garantia dos serviços de assistência à saúde.

G1

Notícias relacionadas

Vereador Dedé é reeleito presidente da Câmara de Vereadores de Conceição do Canindé

Junior Oliveira

Alerta! Umidade do ar baixa no interior do Piauí; Confira!

Junior Oliveira

Ministro libera R$ 11 milhões para ações emergenciais contra a seca no Piauí

Junior Oliveira

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais