23.6 C
Piauí
16 de julho de 2019
Cidades em Foco
Geral Polícia

Escrivão da Polícia Civil é preso por vender motos apreendidas no Piauí

Um escrivão da Polícia Civil foi preso nesta segunda-feira (11) suspeito de vender motocicletas apreendidas em operações policiais. O corregedor geral da Polícia Civil do Piauí, delegado Emir Maia, confirmou a prisão do escrivão, identificado apenas como Pimentel. O esquema teria vendido mais de 20 motos apreendidas pela polícia na região de Porto do Piauí.

A investigação da Polícia Civil apontou que o escrivão participava de uma organização criminosa no interior do Piauí. Ele era lotado no município de Porto e chegou a alterar as datas dos boletins de ocorrências registrados na delegacia para facilitar o esquema ilegal. As motos comercializadas pelo grupo eram as recapturadas pela polícia.

A prisão do escrivão ocorreu no 2º Distrito Policial, na zona Norte de Teresina. Pimentel foi transferido do interior para a capital quando descoberto o esquema em Porto.

“Desde o ano passado para cá, ele estava comercializando as motocicletas apreendidas pela polícia. Ele se juntou a mais cinco pessoas, mecânicos e donos de autopeças, a fim de vender essas motos. Foram mais de 20 motos”, disse o delegado Emir.

“Ele também adulterava os boletins de ocorrência para facilitar a circulação das motocicletas”, acrescentou.

Emir Maia ressaltou que o escrivão irá passar pelo exame de corpo de delito e depois será encaminhado, por meio de ordem judicial, a Penitenciária de Campo Maior.

Além do escrivão, outras duas pessoas foram presas por participar dessa organização criminosa. Essas duas pessoas foram identificadas como Francisco Josemar Lopes  e Ferdinand Lopes da Silva.

Pimentel era escrivão da Polícia Civil há 30 anos, e estaria participando desse esquema há um ano, quando foi transferido para Porto. “Ele já tinha até pedido para se aposentar. Quando soube que ia ‘estourar isso’ foi até a Corregedoria na semana passada pedir uma Certidão Negativa, quando foi agora aconteceu isso contra ele”.

Fonte: Carlienne Carpaso / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Governo do PI define obras com recursos do empréstimo; oposição acompanha

Junior Oliveira

Concurso da PM só deve terminar em dezembro; veja novo cronograma

Junior Oliveira

Jovem é preso em flagrante ao tentar matar a própria mãe em Simões

Junior Oliveira

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais