33.1 C
Piauí
21 de junho de 2021
Cidades em Foco
Geral Piauí

Homem morre vítima da Covid-19 após perder esposa e filha para a doença em menos de 15 dias

Da esquerda para direita: Bianca, Noélia, Maria Clara e Manoel Honorato. — Foto: Reprodução /Redes Sociais

O empresário Manoel Honorato Nascimento Filho morreu nesta terça-feira (8) por sequelas da Covid-19 em Teresina. Ele havia perdido a esposa, a professora Noélia Maranhão, há três dias e a filha, Bianca Maranhão, 13 dias atrás. As duas também faleceram em decorrência da doença causada pelo novo coronavírus.

Manoel foi internado em um hospital da cidade junto com Noélia, no dia 12 de maio. Ele possuía hipertensão e diabetes. O empresário chegou a receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

A segunda filha do casal e irmã de Bianca, Maria Clara Honorato, informou o falecimento do pai nas redes sociais da loja que tinha com ele.

“Manoel sempre será lembrado por sua alegria, responsabilidade, cuidado para com a loja. Agradecemos a todos que sempre nos apoiaram e confiaram no nosso trabalho. Não temos previsão de quando voltaremos as atividades da loja, mas desde já muito obrigada por todo apoio”, informou a jovem na publicação.

Noélia e Bianca

Mãe e filha morreram vítimas da Covid em Teresina — Foto: Reprodução/redes sociais

Mãe e filha morreram vítimas da Covid em Teresina — Foto: Reprodução/redes sociais

A professora Noélia Maranhão, 58 anos, morreu vítima da Covid-19 no último sábado (5). A filha, a nutricionista Bianca Maranhão de 24 anos, havia falecido no dia 26 de maio. Ambas tinham obesidade e não haviam sido vacinadas.

Segundo a Secretaria Municipal de Educação (Semec), a professora havia trabalhado nas escolas municipais Valter Alencar, Deoclécio Dantas e José Omatti, todas localizadas na Zona Leste de Teresina, “onde trabalhou com maestria”, destacou a Semec.

No mesmo dia, amigos, familiares e colegas de trabalho realizaram cortejo em homenagem à Noélia.

Cortejo homenageia professora Noélia Maranhão, vítima da Covid-19 — Foto: Arquivo Pessoal

Cortejo homenageia professora Noélia Maranhão, vítima da Covid-19 — Foto: Arquivo Pessoal

A homenagem teve como ponto de partida a funerária onde o velório da professora aconteceu, no Centro da capital. Em seguida, o cortejo seguiu para a Escola Municipal Professor Valter Alencar, no bairro Vale Quem Tem, onde Noélia atuou nas salas de aulas e na parte administrativa por cerca de 20 anos. Na unidade escolar, balões foram soltos.

Fonte: G1-PI

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais