23.6 C
Piauí
16 de julho de 2019
Cidades em Foco
Educação Geral Piauí

IFPI: 20 campi terão ato contra bloqueio imediato de R$ 18 milhões

Um “abraço pela Educação” será realizado na próxima segunda (13) pelo Instituto Federal do Piauí (IFPI) para destacar a importância da instituição, que sofre graves ameaças de bloqueio em seu orçamento por parte do Governo Federal.

No IFPI, a manifestação será realizada na reitoria e nos 20 campi da instituição, espalhados por todo o Piauí com participação da comunidade acadêmica.

De acordo com o IFPI, em nota divulgada à imprensa, essa iniciativa “acontecerá em todos os campi e reitorias dos Institutos Federais do país e tem como objetivo sensibilizar a sociedade para a importância da oferta de ensino público gratuito e de qualidade”.

“Durante o ato será realizada a leitura da nota do Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif) sobre os cortes no orçamento”, ressaltou a instituição.

Nas redes sociais,alunos e ex-alunos do IFPI se mobilizaram para ressaltar a atuação da instituição, e de como o ensino público e de qualidade os ajudaram a conquistar seus objetivos profissionais; além de criarem laços de amizades que levam por toda a vida.

Nota de Esclarecimento

No dia 03 de maio deste ano, o IFPI divulgou uma nota de esclarecimento sobre os cortes orçamentários, instaladas a partir do Decreto 9.741, de 29 de abril de 2019 – que contigenciou recursos destinados à educação em todo o país.

Na nota, a reitoria do IFPI explicou que “o Decreto gerou, para o IFPI, um bloqueio imediato de mais de R$ 18 milhões, que representa cerca de 30% do que estava previsto como orçamento anual de custeio para a instituição, que era de R$ 63.739.605,00”.

“O valor bloqueado é maior do que o planejado para ser investido no ano de 2019 com toda a Política de Assistência Estudantil no IFPI. É deste orçamento, que já vem sofrendo cortes nos últimos 3 anos, que o IFPI executa, entre outras ações, contratação de serviços de ampliação, melhoria e conservação de infraestrutura, ações de ensino, pesquisa e extensão, segurança, Política de Assistência Estudantil e qualificação de servidores”.

A reitoria ressaltou que “a manutenção do bloqueio destes valores comprometerá substancialmente a manutenção de vários serviços prestados pelo IFPI à sua comunidade acadêmica e, consequentemente, à sociedade piauiense: atividades de ensino, pesquisa e extensão, visitas técnicas, organização e participação em eventos acadêmicos, qualificação de servidores (através de Mestrados e Doutorados Interinstitucionais – MINTER/DINTER), diárias e passagens, serviços de segurança e, mais grave, transporte escolar, alimentação, moradia e Programas de Assistência Estudantil para alunos em situação de vulnerabilidade social”.

A nota constou ainda que o “IFPI é uma Instituição secular que tem prestado grande serviço não apenas promovendo uma educação de excelência, mas, sobretudo, levando educação, arte, cultura e possibilidades de uma vida melhor para jovens e adultos de todas as classes sociais e em todas as regiões do Piauí e de estados vizinhos, já que está presente fisicamente em 18 cidades, através de 20 campi e da Reitoria, que atendem mais de 25 mil alunos em cursos técnicos, superiores e de pós-graduação”.

Por fim, “diante da situação, nesse primeiro momento, foi solicitado aos campi que ajustassem suas despesas para manutenção do funcionamento. Tal adequação é decisão de cada campus de acordo com sua realidade, visando à manutenção da assistência estudantil, transporte e funcionamento dos refeitórios”.

“O Instituto Federal do Piauí reitera que a oferta de educação de qualidade é prioridade na instituição e esclarece à comunidade que medidas para a manutenção desta oferta estão sendo buscadas incansavelmente por seus gestores”, finalizou a nota.

(com informações do IFPI

Notícias relacionadas

Prefeitos da região de Paulistana destacam importância do Congresso das Cidades para municípios

Junior Oliveira

São José do Divino será a 1ª cidade a ter internet banda larga gratuita no PI

Junior Oliveira

Cerca de 150 policiais concursados aguardam por nomeações no Piauí

Junior Oliveira

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais