27 C
Piauí
21 de setembro de 2020
Cidades em Foco
Geral Paulistana

Joaquim da Farmácia lidera pesquisa para prefeito de Paulistana. Veja números!

Pesquisa realizada pelo Instituto Census de intenção de votos para Prefeito de Paulistana-PI aponta que o candidato Joaquim da Farmácia (PSD) está liderando em todos os cenários. As entrevistas foram realizadas nos dias 10 e 11 de setembro. Foram ouvidos 350 eleitores. A pesquisa foi registrada com o número PI-03792/2020 e tem margem de erro de 5,1% para mais ou para menos.

Segundo o instituto, o levantamento foi feito por amostragem não aleatória, por cota de sexo, faixa etária, escolaridade, renda familiar, situação do domicílio, bairros e povoados, com questionários estruturados eletronicamente contendo perguntas espontâneas e estimuladas.

Pesquisa estimulada com dois candidatos

Segundo a pesquisa estimulada, 53,62% dos entrevistados responderam que votariam no candidato Joaquim da Farmácia (PSD) e 34,32% no pré-candidato Luís Coelho (MDB). 7,4% não souberam ou não quiseram opinar, e 4,83% disseram que votariam branco/nulo.

Pesquisa espontânea

No levantamento espontâneo, quando o entrevistador não cita nome de candidato, Joaquim da Farmácia foi lembrado por 43,43% dos entrevistados e Luís Coelho foi citado por 27,61%. Não sabem ou não quiseram opinar, 20,64% e 5,09% disseram que votariam em branco ou nulo.

Rejeição

Questionados sobre em quem não votariam de jeito nenhum, 39,95% dos eleitores de Paulistana disseram que não votam em Luís Coelho, 26,01% não votam em Joaquim da Farmácia, 28,95% não souberam ou não quiseram opinar e 5,09% votariam branco/nulo.

Índice de aprovação

Em relação a administração do atual prefeito, Didiu (PSD), 56,03% dos entrevistados disseram que aprovam, 40,48% não aprovam. 3,49% não souberam ou não quiseram opinar.

Fonte: Acesse Piauí

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais