Jovem de Floriano faz vídeo ‘emocionante’ para comemorar fim do TCC e viraliza

O trabalho de conclusão de curso (TCC) é um desafio para todos os universitários, mas o jovem Francisco Iuchaily Araújo Melo, de 21 anos, passou por isso com muito bom humor. Ele concluiu o curso de Administração na Universidade Federal do Piauí e depois do trabalho pronto resolveu fazer um vídeo para comemorar de forma “emocionante”. A publicação logo viralizou nas redes sociais.

Ele contou que a ideia veio logo depois de imprimir o TCC, quando ele mal acreditou que finalmente tinha o trabalho finalizado, porque até na hora da impressão ele encontrou dificuldades.

“No dia de entregar fui imprimir e quando tinha tinta colorida não tinha preta e quando tinha preta não tinha colorida até que resolvi imprimir as partes pretas em um local e as coloridas em outro. Em casa, quando vi ele encadernado não acreditei, lembrei dos obstáculos e pensei ‘o sofrimento tem que ser compartilhado com humor’ fui tirar uma foto e tive a ideia de tirar várias como se fosse de uma pessoa. Em 15 minutos pensei em uma forma de mostrar todas, então coloquei um fundo musical que expressasse minha felicidade”, explicou o rapaz.

No vídeo, o ‘recém-nascido’ TCC toma um sol no quintal de casa, come cuscuz, faz selfies no espelho, passeia de moto, joga bola, dominó e até tira uma soneca na rede. No post, há quase 270 compartilhamentos, mais de 43 mil visualizações e foi curtido por mais de 700 pessoas. Em uma página de humor que repostou o vídeo, foram quase 30 mil visualizações.

Vídeo já foi visto mais de 40 mil vezes (Foto: Reprodução/Facebook)Vídeo já foi visto mais de 40 mil vezes (Foto: Reprodução/Facebook)

Vídeo já foi visto mais de 40 mil vezes (Foto: Reprodução/Facebook)

Dificuldades e superação

O ‘pai’ da ideia contou que o trabalho teve início há um ano e meio e mesmo depois de mudar o tema quatro vezes, conseguiu fazer algumas entrevistas e deu início ao projeto, mas recebeu então a resposta de que aquela pesquisa não poderia ser feita no lugar pensado inicialmente.

“Eu tive que começar outro trabalho do zero e elaborar outro tema já no final do período. Minha nova orientadora me deu a ideia de fazer minha pesquisa em uma instituição pública de ensino superior da cidade de Floriano (PI). Como o tempo era bem curto, eu tive que tomar bastante vitaminas (água, café e cuscuz) nas madrugadas até conseguir entregar a tempo”, diz ele, que agora se diverte com a repercussão do trabalho.

Aprovação veio com nota 9,5 (Foto: Reprodução/Facebook)Aprovação veio com nota 9,5 (Foto: Reprodução/Facebook)

Aprovação veio com nota 9,5 (Foto: Reprodução/Facebook)

Fonte: G1 – PI

Compartilhar:

Por: Júnior Oliveira

Diretor Geral