32.7 C
Piauí
8 de dezembro de 2019
Cidades em Foco
Entretenimento Geral Pernambuco em Foco

Marcia Fellipe canta no cruzeiro de Safadão e diz ter superado polêmica sobre irmã Dulce

Para a cantora Marcia Fellipe, 40, o ano de 2019 foi tempo de colher os frutos de todo seu trabalho. Um desses frutos é poder participar do WS on Board, o Cruzeiro do Wesley Safadão, que saiu o porto de Santos neste sábado (23). Pouco antes de subir no palco, ela ainda falou sobre seus planos para o Carnaval, e afirmou que já superou as críticas que sofreu nas redes sociais, após seu comentário sobre a canonização da Irmã Dulce. “É muito bacana participar de um evento como esse, de poder cantar pra cada brasileiro, para pessoas que vêm de cada pedacinho do nosso país. E um cruzeiro é muito diferenciado, porque todo mundo que vem, vem para se jogar mesmo”, afirma a artista, que se apresentou na noite de sábado no WS on Board, no mesmo palco de Aldair Playboy e Bell Marques.

Fellipe enfrentou uma polêmica recente, e alguns internautas chegaram a pedir que o show dela fosse cancelado em alguns eventos, como o da Festa da Luz, na Paraíba, programada para janeiro de 2020. Na sua página do Instagram, a cantora afirmou que não seria certo considerar um ser humano santo, em referência a canonização da brasileira Irmã Dulce pelo Vaticano: “Ajudar o próximo, sim! Mas não faz nenhum ser humano ser ‘santo’. Santo só o senhor Jesus Cristo. Não se deixem enganar (leiam a Bíblia). ‘E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará’. João 8:32”, publicou.

Para a cantora, quando se fala algo na internet, é preciso estar disposto a ouvir todo o tipo de reação. “Sou ser humano e tenho o direito de falar minha opinião, mas não quis ofender a fé de ninguém. Jesus disse que a gente não tem que ter vergonha de falar sobre o que leu no evangelho. Somos um país laico e todo o mundo tem o direito de pensar e ter a sua opinião”, afirmou a cantora. O Carnaval já está também nos planos de Fellipe, que vai apostar na música “Cruz Quero”, parceria com MC Don Juan. “É uma música que conta uma história bonita de alguém que quer um compromisso, mas não deixa tão claro assim”, explica ela. “Terão mais novidades, unindo músicas novas e tudo o que já gravei como ‘O Retorno’, que faz uma retrospectiva de todos os sucessos de minha carreira”, afirma Fellipe.

SAFADÃO
O WS On Board saiu do porto de Santos neste sábado (23), passou por Búzios e Ilha Grande, no Rio de Janeiro, e a partir desta segunda começa a voltar para Santos. Safadão embarcou em Búzios para o show deste domingo (24). Devido a apertada agenda de shows, o cantor não conseguirá passar o tempo todo no navio.

No ano passado, o artista cantou mais de seis horas seguidas, e, desta vez, também promete cantar até aguentar. Fãs tentaram ficar próximos às principais entradas do navio para poder ver Safadão de perto. O cruzeiro, que está enfrentando mau tempo e chuva, está testando os limites dos passageiros com muito balanço. Ninguém pode descer em Búzios, onde os turistas imaginaram passar o dia. O navio saiu de Santos lotado. A embarcação tem capacidade para 4.353 passageiros em 1.6378 cabines.

A ideia do Cruzeiro WS on Board surgiu em 2015 durante show de Wesley Safadão em Brasília. De lá para cá, o cantor foi buscando parcerias e consolidando sua carreira solo, que começou em 2014, após deixar a banda Garota Safada.

Fonte: FolhaPress

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais