32.7 C
Piauí
8 de dezembro de 2019
Cidades em Foco
Geral Internacional

Ministério da Justiça anula punição administrativa a delegado da Lava Jato

O Ministério da Justiça e Segurança Pública anulou a punição contra o delegado Maurício Grillo Moscardi, da Operação Lava Jato em Curitiba e da Operação Carne Fraca, pela sindicância que apurou instalação de grampos na cela do doleiro Alberto Youssef.

Em setembro, o delegado foi condenado em um Processo Administrativo Disciplinar da Corregedoria Geral da Polícia Federal a oito dias de suspensão.

Um parecer da Consultoria Jurídica do Ministério da Justiça, no entanto, apontou problemas no processo da Comissão Disciplinar e da Corregedoria, que concluíram por supostas falhas de Moscardi na sindicância da PF, em Curitiba, aberta para apurar se as escutas na cela eram legais ou ilegais.

Com base nesse parecer, o secretário executivo do Ministério da Justiça e Segurança Pública, Luiz Pontel de Souza, anulou a decisão de punição, em portaria publicada no mês passado.

Moscardi é da equipe da Lava Jato em Curitiba desde seu início, em 2014. Foi ele também que conduziu as investigações da Carne Fraca, que resultou na condenação de fiscais, empresários e apura agora envolvimento de políticos nos esquemas de fraudes e corrupção em frigoríficos das gigantes JBS e BRF.

Fonte: Estadão Conteúdo

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais