33.6 C
Piauí
31 de outubro de 2020
Cidades em Foco
Entretenimento Geral Internacional

Nadador japonês campeão mundial é suspenso até o fim do ano por trair a esposa

Foto: Reprodução Instagram daiya_seto

Daiya Seto era um dos astros do esporte japonês, sendo bastante famoso no país. Mas a imagem pública do nadador sofreu um sério abalo após ele ser flagrado entrando em um motel com uma mulher que não era sua esposa, o que ele posteriormente admitiu ser um caso extraconjugal.

A traição foi noticiada em setembro. Um jornal publicou fotos de Seto, que foi campeão mundial dos 200m e 400m medley em Gwangju em 2019, entrando em um motel de Tóquio com uma mulher não identificada. Seto é casado com a ex-saltadora ornamental Yuka Mabuchi, com quem tem duas filhas.

Seto pediu desculpas após o caso vir à tona. “Minha falta de respeito machucou a minha valorosa família e decepcionou a todos os meus apoiadores, patrocinadores e muitas outras pessoas. Com muito remorso, eu vou discutir com minha família que caminho iremos tomar”, declarou.

Ainda assim, não foi suficiente para evitar punições: Seto perdeu o patrocínio da Japan Airlines, de quem era garoto-propaganda, pela empresa afirmar que não poderia compactuar com essa situação. Além disso, a Federação Japonesa de Natação suspendeu o nadador até o fim do ano por “quebrar os padrões dos esportistas”. Ele mesmo já havia renunciado ao cargo de capitão da equipe.

No entanto, as punições não afetam a participação de Seto na Olimpíada de Tóquio, adiada de 2020 para 2021, na qual o atleta já está garantido.

Estadão Conteúdo

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais