23.5 C
Piauí
18 de abril de 2021
Cidades em Foco
Destaque Educação Geral

No Piauí, ex-morador de rua supera vício drogas e atinge 920 pontos no Enem

A divulgação das notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) têm revelado histórias de superação. Em Teresina, o ex-morador em situação de rua, Alexandre Camilo, atingiu 920 pontos na Redação, uma conquista ainda mais valorosa para ele que morou por nove meses na rua e superou o vício em drogas.

Alexandre- que é carioca- morou por nove meses nas ruas de Fortaleza-CE. Lutando contra a dependência química, o bacharel em Biologia e com mestrado da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) veio tentar a vida em Teresina-PI.

“Minha passagem na rua foi difícil. Morei durante nove meses na rua em Fortaleza. Saí do Rio de Janeiro para tentar a vida lá, mas não consegui e fiquei na rua. Depois, tive problemas com drogas. Sou formado em biologia, tenho mestrado, mas o uso de drogas me afastou da profissão. Saí de Fortaleza pra Tereisna com esperança de mudar de vida e não usar mais drogas. Foi quando minha vida mudou pra melhor. Tive oportunidade. A vida na rua me mostrou que não vale a pena usar drogas”, disse Camilo.

Em Teresina, ele foi acolhido pela Associação Beneficente São Paulo Apóstolo – Pastoral do Povo da Rua de Teresina, entidade credenciada à Coordenadoria Estadual de Enfrentamento às Drogas do Piauí (Cendrogas-PI). Na Capital, ele mudou de vida e também se casou.

“É uma grande alegria e realização para nós da Pastoral ver a superação e evolução dos nossos acolhidos que estavam nas ruas. É o êxito do nosso trabalho sendo concretizado”, avalia o padre João Paulo, coordenador da Pastoral.

Com o resultado da redação, Alexandre Camilo pretende ingressar no curso Licenciatura Plena em Letras Português.

“Minha preparação foi através de videoaulas pelo YouTube e  um livro de gramática. Gostei muito da temática, por isso sempre esperei uma boa média. Ao acessar o meu resultado, fiquei muito satisfeito. Tenho um livro publicado e desejo cursar Licenciatura Plena em Letras Português”, disse Alexandre Camilo.

Fonte: Graciane Sousa / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais