25.2 C
Piauí
4 de outubro de 2022
Cidades em Foco
GeralPolícia

No Piauí, homem que atuaria como “juiz” do PCC é preso suspeito de matar pastor

Foto: Renato Andrade/Cidadeverde.com

A Polícia Civil do Piauí prendeu, nesta quarta-feira (21/09), Raimundo da Silva Sousa, de 34 anos, suspeito de participar do assassinato do pastor Jailson dos Santos na zona Leste de Teresina. A vítima foi morta por engano a mando de membros do PCC que acreditavam que o pastor havia acionado a polícia para desarticular a facção na região.

Raimundo da Silva é conhecido como RD e foi preso na cidade de Boa Hora, a 140 km de Teresina, por volta das 4h. Segundo o delegado Tales Gomes, RD estava em uma casa sozinho. No momento da prisão, o homem reagiu e não quis deixar os policiais o algemarem.

“Ele é o principal suspeito da morte do pastor. Eles suspeitaram que foi o pastor evangélico que teria chamado a polícia, sendo que não foi o pastor evangélico que fez a solicitação de apoio policial.  Ele foi preso com arma de fogo com numeração suprimida e nesse momento está em Barras, onde participa da audiência de custódia para em seguida ser transferido para Teresina”, ressaltou o delegado Tales Gomes.

Dentro do PCC, segundo o delegado, Raimundo da Silva atuava como uma espécie de juiz dentro da organização criminosa.

“Atuação dele era no sentido, principalmente, da disciplina na região da Pedra Mole. A prática de crimes e mortes passam por um grupo de pessoas que decidem se mata ou se não mata ou se pode roubar ou não na região. Ele é uma espécie de disciplina dentro da organização criminosa”, destacou o delegado Tales Gomes.

O RD ainda é suspeito de participar da morte de um comerciante conhecido como Daniele e outro rapaz conhecido como Puff.

Fonte: Nataniel Lima / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais