Operação apreende 12 veículos e paredão de R$ 40 mil no Piauí

Uma cena comum de se ver nas praias piauienses não se repetiu neste carnaval. Banhistas e crianças puderam curtir o mar sem a preocupação com carros que circulam e sem o desconforto do barulho de paredões de som. Isso graças a uma operação da Polícia Militar que proibiu esse tipo de ação. Na segunda-feira (8), um veículo com som avaliado em R$ 40 mil foi apreendido.

O comandante de policiamento do litoral, Major Pacífico, em entrevista ao Jornal do Piauí, explicou que vários órgãos ligados à segurança acataram uma recomendação do Ministério Público que proíbe o trânsito e circulação de veículos nas praias, uma efetivação do que já é proibido por lei. “Estamos coibindo, multando e também removendo os veículos. A população está acreditando nesta ideia de educação”, relatou.

Além da circulação dos veículos na praia, a Polícia Militar em parceria com a Delegacia do Silêncio também trabalha no controle do volume de som dos paredões. “Esse tipo de ocorrência é algo que a gente perde muito tempo, então fizemos a proibição. Essa parceria está dando muito certo. As pessoas que querem utilizar o som acima do dos decibéis permitidos, a gente está multando ou recolhendo”, explicou.

De acordo com o major Pacífico, pelo menos 12 veículos já foram multados e apreendidos durante o carnaval por uso irregular dos paredões de sim. Em uma das abordagens, na tarde da última segunda-feira, um paredão avaliado em cerca de R$ 40 mil foi aprendido por equipes da pela Delegacia do Silêncio e Polícia Militar.

 

 

Cidade Verde

Deixe uma resposta