30.7 C
Piauí
10 de abril de 2020
Cidades em Foco
Geral Picos

Operação “Carnaval Seguro” reforçará segurança e fiscalização nas rodovias de Picos e região

Nesta terça-feira (18) uma reunião entre o Ministério Público e as instituições de segurança pública e de trânsito discutiram as diretrizes da Operação “Carnaval Seguro” que será deflagrada em Picos e região. A Operação envolverá Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Secretaria de Transportes, Trânsito e Mobilidade Urbana (STTRAM), com o objetivo de prevenir mortes no trânsito durante o período carnavalesco.

A reunião contou com a participação das promotoras Itanieli Rotondo Sá e Micheline Ramalho; do inspetor da PRF, Fábio Ramalho; subcomandante do 4° Batalhão de Polícia Militar, Major Mário, colaboradores da STTRAM.

O secretário da STTRAM de Picos, Edilberto Cirilo, explicou que o foco das fiscalizações será o consumo de álcool por parte dos condutores de veículos.

“Vamos reforçar o policiamento no centro da cidade com nossos agentes, como haverá policiamento nas rodovias estaduais e federais, reforçando as blitzes e campanhas educativas conscientizando as pessoas para que tenhamos um carnaval sem vítimas. Precisamos reforçar a consciência que álcool e direção não combinam”, disse o secretário.

Secretário Edilberto Cirilo

Edilberto Cirilo ainda comentou que todo o efetivo da pasta entrará na Operação, nos turnos diurno e noturno (plantão de 24h), com foco principal nos bairros Centro, Canto da Várzea e Passagem das Pedras, onde a circulação de foliões é maior.

O inspetor da PRF, Fábio Ramalho, também destacou a intensificação do policiamento nas rodovias federais.

“Serão intensificadas as fiscalizações na rodovia que liga Picos a Bocaina pela Polícia Militar. A PRF também vai intensificar o policiamento nas rodovias federais com reforço do efetivo, voltadas para embriaguez ao volante”, concluiu.

Fonte: Folha Atual

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais