PCC e mais quatro facções criminosas estariam atuando nos presídios do Piauí

Cinco facções criminosas tem atuação registrada dentro dos presídios do Estado do Piauí. São elas: Primeiro Comando da Capital (PCC), Bonde dos 40, Primeiro Comando de Campo Maior (PCM), Primeiro Comando de Esperantina (PCE) e Facção Criminosa de Teresina. O dado foi apresentado pelo Jornal o Globo no Mapa das facções dos presídios brasileiros.

O mapa mostra o Piauí entre os cinco estados considerados em situação tensa com possibilidade de resgistrarem novos conflitos violentos nos presídios. O levantamento foi feito pelos setores de inteligência do governo federal.

As chacinas ocorridas nos presídios do Amazonas e Roraima, segundo os governos dos Estados, foram provocados por reações de facções criminosas. No Piauí, a secretaria Estadual de Justiça afirma que está reforçando a segurança nos presídios para evitar episódios semelhantes no Estado.

Para discutir esta situação, o presidente da OAB-PI, Chico Lucas se reune na manhã desta terça-feira (10) com o secretário estadual de Justiça Daniel Oliveira.

“Aqui estamos adotando providências no sentido de reforçar as guardas e também fazendo monitoramento no setor de inteligência. Consideramos a situação estável, na medida do possível. Porém, diante de qualquer informação de risco, imediatamente adotaremos protocolo de segurança”, declarou o secretário Daniel Oliveira.

 

Fonte: Cidade Verde

Deixe uma resposta