31.1 C
Piauí
28 de fevereiro de 2020
Cidades em Foco
Geral Política

Picos: julgamento de recurso contra cassação do Padre Walmir é adiado

Um pedido de vista do juiz federal Agliberto Gomes Machado, adiou a conclusão do recurso contra a cassação do prefeito de Picos, José Walmir Lima (PT); e do seu vice, Edilson de Carvalho (PTB), por abuso de poder político e econômico na eleição de 2016.

Antes do pedido, o relator do processo Thiago Mendes de Almeida Férrer, havia votado contrário à sentença e foi seguido pelo desembargador Fernando Lélis, a ação ainda irá receber quatro votos após a análise do pedido vista.

O advogado de acusação Maik Neiva, disse que sentiu prudência do juiz que não se sentiu totalmente convencido pelo relator e pelo conhecimento dele sobre o processo para dar o seu parecer final.  Ainda segundo o advogado, existiram muitas provas no processo, no entender da acusação, que não foram analisadas pelo relator.

O advogado Maycon Luz, que atuou como coordenador da campanha da coligação “É Com Trabalho Que A Gente Segue”, composta pelos partidos PDT / PT / PTB / PMDB / PSL / PTN / PMN / PTC / PSB / PEN / PPL / PSD / PC do B / PSDB, disse que o resultado parcial já era esperado pela defesa.

De acordo com Maycon Luz, o voto do relator reconhece que a campanha que elegeu o prefeito ocorreu de forma lícita. O procurador declarou que não acredita que apareça nenhum novo elemento após análise do pedido vista que possa mudar o entendimento dos desembargadores e a expectativa da defesa é o resultado seja a absolvição por unanimidade.

Ainda votaram os desembargadores Aderson Antônio Brito Nogueira, Antônio Soares dos Santos, Agliberto Gomes Machado, Charles Max Pessoa Marques da Rocha.

Fonte: Assis Santos / Grande Picos

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais