21.9 C
Piauí
24 de outubro de 2019
Cidades em Foco
Destaque Geral

Prefeitura capacita servidores para prevenção ao suicídio em Jacobina do Piauí

A Prefeitura Municipal de Jacobina do Piauí, através das Secretarias de Assistência Social, Saúde e Educação, realizou, na tarde desta quarta-feira, 18, no Ginásio Poliesportivo, no centro da cidade, uma capacitação da campanha de conscientização ao suicídio que teve como tema: “Prevenção e Posvenção do Suicídio na Valorização da Vida” e público alvo os servidores públicos municipais.

Inicialmente foi formada a mesa de honra com a presença da primeira dama Verônica Oliveira, dos secretários municipais e vereadores do município. Logo após, a cantora gospel Raylla Suellen fez uma breve apresentação para os servidores presente, em seguida, foram realizadas as atividades com a ONG Centro Debora Mesquita.

Em entrevista ao portal Cidades em Foco, a palestrante Késia Mesquita, informa que a capacitação foi mais voltada para os profissionais da educação e saúde, levando dados, mostrando a realidade, descobrindo quais são os fatores de risco e proteção do suicídio.

“Falamos sobre as formas de ajudar e encaminhar essas pessoas em sofrimento emocional. Tivemos um momento mais especifico para cultivar uma nova cultura de saúde mental nas escolas e também como os profissionais de saúde podem está atuando em situações de crise” relata Késia Mesquita.

A palestrante destaca o sentimento de motivação porque a prevenção ao suicídio posvenção é uma tarefa de todos. “Então quando o poder público entende essa necessidade e convoca a população a se informar, se capacitar, a tendência é que nós vamos ter menos prejuízos nesse assunto e vão ajudar a diminuir os índices de suicídio do Estado”, pontua Késia Mesquita.

O assistente social Valdete Aquino justificou a ausência do prefeito GD que está em Teresina resolvendo assuntos de interesse do município e também do vice-prefeito Vanderlei. “Sabemos que o suicídio tem ganhado espaço e as consequências são devastadoras na família quando se acontece algo parecido”, comenta.

Valdete explica que o trabalho sobre o Setembro Amarelo começou desde o inicio do mês de setembro com diversas atividades nas escolas da zona urbana e rural do município. “Então vamos aproveitar esse momento para que possamos tirar nossas duvidas, pois temos aqui uma equipe preparada para trabalhar essa temática conosco”, enfatiza o assistente social.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais