21.9 C
Piauí
23 de outubro de 2019
Cidades em Foco
Destaque Geral

Prefeitura realiza ações de educação no trânsito durante o movimento “Maio Amarelo” em Queimada Nova

Neste mês de maio são realizadas diversas ações sobre educação no trânsito e a importância de se manter uma postura preventiva. É a campanha “Maio Amarelo” que neste ano tem como tema: “No trânsito, o sentido é a vida”.

CLIQUE AQUI E VEJA TODAS AS FOTOS DA ABERTURA DO MAIO AMARELO!

Em Queimada Nova do Piauí, a gestão do prefeito Raimundo Júlio, através da Secretaria Municipal de Saúde e parceria da Educação, realizou nesta semana uma série de ações educativas e de prevenção de acidentes com objetivo de conscientizar a população do município.

A programação foi aberta oficialmente na última segunda-feira, 13, com palestra do polícia da PRF,  diversas apresentações de alunos das escolas do município e seguiu no decorrer da semana com cinema rodoviário, blitz educativa, além de reunião de sensibilizar com o Poder Público e a sociedade civil sobre o Programa Vida no Trânsito.

Em entrevista ao portal Cidades em Foco, o Polícia Rodoviário Federal Isaías Segundo, afirmou que intuito desse mês de maio é fazer uma reflexão sobre a nossa postura no trânsito.  Na sua palestra, ele abordou sobre o alto índice de acidentes em rodovias federais do Brasil e do Piauí. 

“O que a gente ver é verdadeiros absurdos, onde o ser humano através de suas falhas acaba provocando um grande número de acidentes. Então nós temos que levar essa palavra de reflexão para que as pessoas entendam a sua responsabilidade no trânsito”, explicou o PRF.

“A gente pede a participação de todos, aproveitar essa oportunidade, que não só agora, esse é um pequeno passo para que as pessoas comecem a mudar o seu comportamento no transito, para que a gente tenha um trânsito mais humanizado” pontuou Isaías Segundo.

A Secretária Municipal de Saúde, Nazaré Coelho, relatou que foi atrás dessa ação do Maio Amarelo com objetivo de realizar ações de conscientização no trânsito do município, pois somente nesses três primeiros meses foram registrados 73 acidentes em Queimada Nova.

“Pode até alguém achar pouco, mas para o município do porte de Queimada Nova é um índice altíssimo e preocupante, porque quando acontece o acidente todos são levados para o SUS, e sabemos que o SUS não tá sendo fácil. É uma preocupação muito grande para atender essas pessoas”, disse a secretária.

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais