Presidente do Progressistas diz que Ciro é o candidato natural em 2022

Os Progressistas não escondem mais o desejo de lançar o presidente nacional, Ciro Nogueira, como candidato a governador em 2022. De acordo com o presidente do partido no Piauí, Júlio Arcoverde,  Ciro é o nome natural para governador.

Júlio afirma o tamanho e números do partido justificam uma possível candidatura. Ele diz que o assunto já foi tratado com o governador.

“O senador Ciro Nogueira é nossa liderança maior. Terminou essa campanha em primeiro lugar. Ele não nega de ninguém o desejo e o governador não nega isso de ninguém. Desde 2014 não negamos isso de ninguém. Temos o projeto de eleger o governador do partido Progressistas para 2022. Todo mundo que deseja ter esse projeto tem que começar a trabalhar a partir de agora”, afirmou.

Segundo ele, se Ciro preferir ficar no Senado, o partido terá outros nomes. O nome cotado é do prefeito Firmino Filho, que ainda não é do partido, faz parte do PSDB, mas é cotado para se filiar ao Progressistas e ser candidato em 2022.

“Estamos trabalhando para esse nome ser de Ciro Nogueira. Se ele preferir ficar em Brasília, ajudando os municípios e os prefeitos de termos outros nomes”, afirmou.

O Progressistas pede o apoio do governador. Ele lembra que sempre estiveram com o governador.

Foto: Wilson Filho/Cidadeverde.com

“Contamos com o apoio do PT. O governador sabe. Quando iniciamos essa caminhada em 2014 que tínhamos o interesse de dar a ele o suporte em 2014 e em 2018, muitos apostavam nesse rompimento, nós cumprimos todos os nosso acordos com o governador e ele sabe que 2022 era um anseio nosso. Mas, nada impede dos outros partidos também terem candidatos e vamos conversando. O importante é se fortalecer”, declarou.

O partido iniciou o fortalecimento. Até o final de 2019  filiar 100 prefeitos.

“Começamos a trabalhar, a visitar várias cidades no interior. Estamos captando o  máximo de prefeitos que podemos. Nossa meta é até depois do Carnaval fazer uma grande festa de filiação.  Chegando a uma centena de prefeitos. Queremos iniciar 2020 com 100 prefeitos e 40  vice-prefeitos. Essa é  nossa meta.  Nesse primeiro momento pelo menos 10 partidos vai se filiar ao partido”, afirmou.

Fonte: Lídia Brito / CidadeVerde