25.2 C
Piauí
4 de outubro de 2022
Cidades em Foco
DestaqueGeralPolítica

Regina Sousa diz que medida de Bolsonaro na ação de rebaixar nota do Piauí é ‘ameaça de vingança’

Foto: Renato Andrade / Cidadeverde.com

A governadora Regina Sousa (PT) classificou nesta quinta-feira (18) como uma “ameaça de vingança” a medida do governo Jair Bolsonaro de tentar rebaixar a nota de capacidade de empréstimos do Piauí. A ação foi derrubada por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

“Foi uma ameaça de vingança, porque a gente conseguiu uma vitória no Tribunal, pois o governo federal não quer nos dar, a gente consegue essa vitória e ele ameaça rebaixar a nossa capacidade de pagamento que foi construída com nossa governança, com nossas ações, então, não podia punir o Piauí. Foi uma decisão infeliz que o STF derrubou”, destacou.

Para Regina Sousa, a medida do Governo Federal foi uma retaliação contra o Piauí e os demais estados que ganharam na justiça o direito de ter uma compensação pela perda de arrecadação acarretada pela lei que instituiu um teto de 18% para as alíquotas do ICMS. Segundo Regina Sousa, esse foi um fato nunca visto antes na história do país e que fere a governança de cada ente.

“Eram apenas quatro estados e o Piauí é quem tem uma das maiores dívidas, que não é com a União, é com os bancos. Então, vejo sim como uma tentativa de retaliar. A governança tem que ser para todos, nunca existiu no Brasil esse tipo de coisa de ameaçar, pois não havia motivos. O Piauí é um dos estados com a maior capacidade de pagamento e por isso fazemos empréstimos, ninguém governa sem dinheiro extra, o dinheiro que entra não dá para fazer obra”, destacou.

As declarações da governadora foram dadas durante a solenidade de lançamento da 44º edição do Festival Nacional dos Folguedos que aconteceu no Palácio de Karnak.

Paula Sampaio
redacao@cidadeverde.com

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais