33.1 C
Piauí
21 de junho de 2021
Cidades em Foco
Geral Política

Rodrigo Martins rebate vereador Paixão e diz: “quem não deve, não teme”

O deputado federal Rodrigo Martins (PSB) reagiu, na tarde desta terça-feira (25), ao pronunciamento do vereador Gilberto Paixão (PT), que repudiou, segundo ele, a tentativa de intimidação e suspeita de censura da Polícia Federal contra o Sindicato dos Comerciários de Teresina.

“Ninguém está acima da lei. Quem não deve não teme. O problema do vereador Gilberto Paixão é igual ao do partido dele, o PT, e será apurado pela Polícia Federal e levado à justiça”, disse o deputado federal.

O vereador afirmou na tribuna da Câmara de Teresina que um agente da PF foi até o Sindicato com questionário para cobrar responsabilidade sobre matéria publicada no jornal da categoria, o Balcão, de maio de 2016, onde é feita uma referência aos deputados federais que votaram a favor do “golpe disfarçado de impeachment” da presidente Dilma Rosseff (PT), em que políticos são chamados de traidores da democracia e dos trabalhadores e de golpistas.

O petista definiu “como um verdadeiro ataque à liberdade de expressão e uma violência contra uma entidade de trabalhadores”, a atitude do deputado federal de acionar a PF.

A Polícia Federal abriu o inquérito 407/2016, constituiu um delegado para apurar denúncia do deputado Rodrigo Martins (PSB) por este ter se sentido ofendido com a pecha de golpista, já que votou a favor do afastamento da presidente na Câmara.

 

Do CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais