21.2 C
Piauí
16 de junho de 2019
Cidades em Foco
Economia Geral

Secretário projeta redução de R$ 256 milhões ao ano após cortes no Governo do Piauí

O secretário de Fazenda do Piauí, Rafael Fonteles, anunciou um balanço parcial dos cortes no Governo do Estado em 2019. O gestor projeta a redução da máquina administrativa de cerca R$ 256 milhões ao ano. A meta é chegar a R$ 400 milhões.

“Essa é a projeção anual das medidas já tomadas. Nós queremos chegar nos R$ 400 milhões. Esse trabalho vai continuar em todo o primeiro semestre, durante todo o ano e a partir do ano seguinte, o trabalho vai ser manter os patamares, esse nível de custeio da máquina. A ideia é chegar no mínimo possível, sem comprometer os serviços essenciais à população, notadamente Saúde, Segurança e Educação”, disse Fonteles.

Em entrevista ao Notícia da Manhã, o secretário cita a revisão de contratos, o contigenciamento de despesas não essenciais, auditoria na folha de pagamento, revisão de encargos, entre outros, como medidas que resultaram na economia dos R$ 256 milhões. Já a redução de gastos oriundas da reforma administrativa deve resultar em uma economia em torno de R$ 20 a 30 milhões.

“A economia com a reforma administrativa será em torno de R$ 20 a 30 milhões, muito pouco comparado com a meta mais ousada que é oriunda de todo esse trabalho. A reforma administrativa é mais do ponto de vista de dar eficiência à gestão”, diferencia o secretário.

Com informações e foto: CidadeVerde

Notícias relacionadas

União reconhece situação de emergência em Curral Novo, Caridade, Jacobina e mais 37 cidades do PI

Junior Oliveira

Estudo pioneiro no Piauí identifica principal causa da síndrome de Guillain-Barré

Junior Oliveira

Por 7 a 1, cidade no PR aprova redução de salários de prefeito e vereadores

Junior Oliveira

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais