27 C
Piauí
21 de setembro de 2020
Cidades em Foco
Esportes Geral Piauí

Série B: 14 meses depois, Federação pune Flu-PI em 200 cestas básicas por desistência

Foto: Fábio Lima/Cidadeverde.com

A Federação de Futebol do Piauí (FFP) anunciou, nesta sexta-feira (11), a punição ao Fluminense por desistir de disputar a Série B do Campeonato Piauiense de 2019. A multa de R$ 50 mil, prevista no regulamento, foi convertida em duzentas cestas básicas – que podem sair mais caro que a pena em dinheiro.

Em julho de 2019, o Fluminense participou da reunião do conselho arbitral, que definiu regulamento e forma de disputa da Série B estadual. Dias depois, o clube anunciou desistência alegando discordância com o formato aprovado pela maioria para o torneio.

A FFP anunciou que as cestas básicas serão destinadas aos demais clubes filiados, em ação semelhante a outras feitas pela entidade durante a pandemia do novo coronavírus.

O Fluminense tem 10 dias de prazo para cumprir a pena. Procurado pelo Cidadeverde.com, Vicente Medeiros, diretor do clube, tomou ciência da punição através da reportagem. Ele afirmou que cabe ao departamento jurídico analisar o caso, mas viu com bons olhos a multa ser convertida em cestas básicas para ajudar outras agremiações na pandemia.

Pesquisa de agosto do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) estima que uma cesta básica, com os itens básicos previstos em decreto federal, custe em média R$ 539,95. O levantamento levou em conta 13 capitais e não incluiu Teresina. A mais barata do Nordeste foi a de Aracaju (SE): R$ 398,47.

A decisão da FFP, após sindicância administrativa, saiu somente 14 meses depois da desistência. Se tivesse sido punido antes e não pagasse a multa, o Fluminense poderia ser impedido de participar da Série B de 2020. Como ainda não havia punição, o tricolor foi inscrito no início deste mês e teve presença confirmada no torneio, que ocorrerá em outubro e contará com três times disputando duas vagas na Série A – em 2019, foram cinco clubes.

Fonte: CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais