25.5 C
Piauí
25 de fevereiro de 2020
Cidades em Foco
Educação Geral Piauí

Sisu: instituições aguardam decisão; Radiologia lidera concorrência no IFPI

As universidades do Piauí, como Uespi, Ufpi e IFPI, estão aguardando o desenrolar do embate judicial que suspendeu o resultado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A divulgação estava marcada para esta terça-feira (27), mas foi embargada por decisão do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF3).

O reitor do Instituto Federal do Piauí (IFPI), Paulo Henrique Gomes, informou que até o final desta segunda-feira (27) ainda aguardava a comunicação do Ministério da Educação. A Advocacia-Geral da União (AGU) recorreu ao Supremo Tribunal de Justiça (STJ).

De acordo com o reitor, o IFPI não tem nenhuma gerência sobre o resultado a ser divulgado. “Quem detém todo o processo é o Ministério da Educação. Nós só disponibilizamos as vagas e os critérios de preenchimento. Eles colocam no sistema e nos informam o resultado”, explicou o reitor.

No IFPI, que possui 57 cursos, houveram 9.088 inscrições para ampla concorrência, mais de 11 mil para cotas de escolas públicas e 5.591 para ações afirmativas. O curso mais concorrido foi Radiologia com 1802 inscritos, seguido de Gestão de RH (1.156), Secretariado (976) e Engenharia de Alimentos (929). A instituição ofertou 2.225 vagas em 17 campi.

“Eles (MEC) nos disponibilizaram a quantidade de inscritos e os cursos mais concorridos. Estamos aguardando informações sobre a liberação ou não”, resumiu o reitor.

Cidadeverde.com também entrou em contato com a Universidade Estadual do Piauí (Uespi) que também aguarda informação do MEC sobre a divulgação e informou que, por conta do problema com a nota do Enem, a Pró-reitora não consegue visualizar os cursos mais procurados nesse Sisu 2020. Mas, que até semana passada era Psicologia.

Já na Universidade Federal do Piauí (UFPI), os cursos de Medicina em Teresina e Parnaíba estavam no topo da lista. A instituição também não divulgou os mais concorridos.

Caroline Oliveira / CidadeCerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais