25.2 C
Piauí
28 de novembro de 2020
Cidades em Foco
Conceição do Canindé Geral

Sobe para 49 o número de municípios em situação de emergência no Piauí por conta da seca

Conceição do Canindé - foto: Cidades em Foco!

O Governo do Piauí decretou situação de emergência em mais sete municípios por conta da estiagem. O decreto, publicado na edição de ontem(22) do Diário Oficial do Estado, reconhece a situação nos municípios de Campo Grande do Piauí, Conceição do Canindé, Itainópolis, Isaias Coelho, Picos, São Lourenço do Piauí e Vera Mendes.

Com o novo decreto, de acordo com a Secretaria Estadual de Defesa Civil, agora são 49 municípios em situação de emergência no Piauí por conta da estiagem.

“Ficam acionados, em sua plenitude, os órgãos e entidades da Administração Pública, dentro dos respectivos campos de competências e os vinculados ao Sistema de Defesa Civil do Estado, para adoção das medidas necessárias à restauração da normalidade”, diz o texto do decreto.

Entre os critérios para a adoção da medida, está o acompanhamento do monitor das secas, desenvolvido pela Agência Nacional de Águas e que atesta os impactos da situação nas regiões brasileiras. “Também realizamos  o outro é o acompanhamento com a realidade da região, como as perdas de rebanho e da agricultura”, explica  o secretário de Defesa Civil, Geraldo Magela.

O Governo do Estado aguarda recursos do Governo Federal para executar ações da operação Carro Pipa.”Já solicitamos, mas não temos ainda. Estamos atendendo, à medida do possível, com recursos do próprio Estado”, destaca.

Além da questão da escassez de água, o secretário de Defesa Civil explica que os decretos de emergência trazem impactos econômicos aos municípios, entre eles a possibilidade de renegociação de dívidas de produtores rurais.

“O pequeno agricultor que fez um empréstimo, mas perdeu toda a sua produção por conta da seca, tem condições especiais para renegociar sua dívida com o banco. O decreto de emergência é o reconhecimento da situação que já existe. São vários fatores, além dos governamentais”, explica o secretário.

Fonte: Natanael Souza / CidadeVerde

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais