TRE mantém mandato do prefeito e vice de Dom Expedito Lopes

Nesta segunda-feira, 14, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI), julgou e confirmou improcedente à ação de impugnação de mandato eletivo que pedia a cassação dos mandatos do prefeito de Dom Expedito Lopes, Valmir Barbosa, e o vice-prefeito, Écio Flávio.

A ação foi apresentada pela coligação “Unidos por Dom Expedito Lopes”, representada pela candidata a prefeita nas eleições de 2016, Francisca Ivete do Nascimento Lima.

A coligação acusa o atual prefeito e vice de corrupção eleitoral e abuso do poder econômico, pela suposta entrega de materiais de construção e dinheiro, bem como custeio de transporte a eleitores em troca de voto. Eles ainda são acusados de realizarem a construção de rede elétrica no povoado Sitiozinho para conseguirem votos.

O TRE-PI concluiu que as provas eram frágeis e contraditórias, não servindo para forjar um decreto condenatório.

 

Fonte: Meio Norte

Edição: Jesika Mayara