24.9 C
Piauí
23 de setembro de 2021
Cidades em Foco
Geral Política

Vereadores de Teresina ficam ricos de uma eleição para outra. Patrimônio cresceu mais de 300%

Apesar da grande maioria dos piauienses estar passando por um aperto financeiro, os vereadores de Teresina, candidatos à reeleição em 2016 tiveram uma grande evolução no patrimônio, de acordo com os dados disponíveis no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI).

No topo da lista o vereador Paulo Roberto da Iluminação (PTB), que declarou bens em 2016 com crescimento de 376% em relação a 2012, seguido de Edvan Lopes (PTC), que não possuía bens em 2012 e este ano declarou R$ 271.700,00 em patrimônio.

O valor médio do patrimônio declarado pela maioria dos vereadores teresinenses quase dobrou entre 2012 e 2016, segundo TRE-PI. Na eleição anterior, alguns dos parlamentares declararam não possuir bens, mas com exceção do vereador Joninha, todos os outros computaram novos bens este ano.

Na base da lista está o vereador Joninha (PSDB), sem cadastro de bens em 2016, seguido de Graça Amorim (PMB) com apenas 12,53% de crescimento do patrimônio. Percebe-se que Joninha empobreceu de uma eleição à outra se realmente ele não tiver tido nenhum bem a declarar este ano.

Com salários reajustados em março de 2016, os vereadores de Teresina passaram a receber R$ 18,8 mil mensais.

Os demais vereadores não tiveram os dados revelados pelo TSE. 

 

 

 

Fonte: Portalaz

Notícias relacionadas

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Se você está de acordo, continue navegando, aqui você está seguro, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceitar Leia mais